Crianças comemoram Dia do Livro Infantil e aprendem com obras de autores baianos

Colegio Jesus Cristo- Dia Mundial do Livro.

Colegio Jesus Cristo- Dia Mundial do Livro.

No Dia Nacional do Livro Infantil, comemorado nesta segunda-feira (18/04/2016), mais de 200 crianças da Escola de 1º Grau Jesus Cristo, unidade da rede estadual de ensino, no bairro de Pau da Lima, participaram de roda de leitura com os livros infantis distribuídos pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Mais de 1 milhão e 500 mil livros infantis e didáticos irão contribuir para a alfabetização, com letramento, de 500 mil crianças em toda Bahia, atendendo à principal meta do programa Educar para Transformar, que é alfabetizar todas as crianças na idade certa, com até oito anos de idade.

“Aprendi a ler quando tinha cinco anos”, diz orgulhoso o estudante do 1º ano do Ensino Fundamental, Felipe Queiroz, de 6 anos. Felipe e seus colegas aprendem a ler brincando por meio de jogos, exercícios lúdicos e contação de histórias contidos nos livros, que atraem o estudante para o campo da aprendizagem. A identificação com a leitura não deixa dúvidas para Inaê dos Santos, 6 anos, sobre o que mais gosta de ler. “Gosto de ler abacaxi, porque é a minha fruta preferida”, afirma.

De acordo com a gestora da unidade de ensino, Rosângela Cardoso, os novos livros facilitam a alfabetização dos alunos. “Os livros estão desmembrados, por isso fica mais fácil para o professor trabalhar em sala de aula. Além disso, os próprios livros são atrativos para os alunos pela linguagem e ilustrações”, considera.

Os professores do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental passam, mensalmente, por formação realizada pela Secretaria da Educação do Estado para trabalhar em sala de aula com os livros. “Na formação, a gente aprende a trabalhar com jogos da Matemática e levar para sala de aula um novo método de contação de história, para fazer o aluno se apaixonar pela leitura”, declara a professora Janete Alcântara, que há 32 anos está em sala de aula.

O método tem dado resultado e estimulado o gosto pela leitura nos pequenos. “O lugar que mais gosto de ficar é a biblioteca. É ótimo para ler. Lá tem uma revistinha do Sítio do Pica Pau Amarelo que gosto”, declara a estudante Sara Aparecida Miranda, 7 anos, do 2º ano do Ensino Fundamental.

Livros de autores baianos – Os livros de literatura infantil são de 16 autores baianos, referenciados na realidade da Bahia. O Governo do Estado já lançou edital para a seleção de mais 21 obras de literatura infantil de autores baianos que irão compor a 2ª Coleção Pactos de Leitura. As obras devem ter ênfase na tradição das culturas populares baianas, contendo ilustrações dinâmicas e atraentes. As obras de literatura infantil ilustradas devem valorizar a cultura baiana, respeitar as questões éticas e ter qualidade condizente à proposta pedagógica.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br