Vereador questiona secretária da Educação de Feira de Santana sobre estagiários

Beldes Ramos faz requerimento questionando a secretária  Jayana Ribeiro sobre estagiários.

Beldes Ramos faz requerimento questionando a secretária Jayana Ribeiro sobre estagiários.

O requerimento de nº 16/2015, de autoria do vereador Beldes Ramos (PT), que solicita da secretária de Educação do Município de Feira de Santana, Jayana Ribeiro, a relação de estagiários em Magistério que prestam serviços à Rede Municipal de ensino foi aprovado por unanimidade dos edis presentes e em discussão única, na manhã desta quarta-feira (09/03/2016), na Câmara Municipal de Feira de Santana.

O requerimento quer saber ainda o quantitativo dos mesmos, os nomes e as unidades de ensino as quais prestam serviço, bem como a unidade de ensino superior a qual estão matriculados e frequentando.

O autor do requerimento, na votação da matéria, ressaltou que a intenção do documento é entender como está se dando o processo de ensino através dos estagiários. “Não estou desqualificando os estagiários, mas eles estão assumindo salas de aula ainda iniciando o primeiro semestre da faculdade. Se os estudantes só podem começar a estagiar a partir do terceiro semestre, por que o Município contrata antes? Se eles têm que auxiliar os professores, por que estão assumindo salas de aula? E ainda há a informação que a maioria dos estagiários estão matriculados apenas em uma dessas instituições de ensino, que me resguardo a dizer o nome”, explicou.

Com a palavra, o líder do Governo na Casa, vereador José Carneiro (PSL), disse que compreende a iniciativa do vereador, mas não entende destacando que ele está fazendo o seu papel de oposição. “O objetivo dele é apenas fazer questionamentos que poderiam ser feitos até mesmo através de uma consulta verbal. O Governo Municipal é transparente e não tem nada a esconder. Não há o que duvidar dos contratos de estágio do Governo”, disse, concordando com a aprovação do mesmo.

O vereador Lulinha (PEN) disse que votaria contrariamente ao requerimento, mas como foi indicado pelo líder para votar favoravelmente, assim faria. O edil disse ainda não entender o objetivo do vereador em fazer questionamentos dos “pobres dos estagiários”, já que a maioria dos professores de hoje são os estagiários de ontem. “Acredito que no ano que vem aumentará ainda mais o número de estagiários com a redução da carga horária dos professores. Todos os professores que foram aprovados no último concurso público foram chamados”, argumentou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br