Servidores municipais de Feira de Santana são treinados para atender pessoas vitimadas pelo preconceito

Feira de Santana é uma das primeiras cidades do país a promover este tipo de treinamento.

Feira de Santana é uma das primeiras cidades do país a promover este tipo de treinamento.

Servidores municipais lotados em órgãos que fazem atendimento às pessoas vitimadas por todas as formas de preconceito, participaram de um seminário, nesta quarta-feira, (09/03/2016), com o objetivo treiná-los para que recebam estas pessoas de maneira diferenciada.

Feira de Santana é uma das primeiras cidades do país a promover este tipo de treinamento para seus servidores dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAS) e conselhos, com abordagem na ética racial.

O evento, que aconteceu na Casa dos Conselhos, foi promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Social, com a participação do Comdecni (Conselho Municipal de Participação e Desenvolvimento das Comunidades Negras e Indígenas de Feira de Santana) e da Sepromi (Secretaria Estadual da Promoção da Igualdade).

O assistente social e professor Marcos Moreira, um dos palestrantes, disse que o momento atual pede a mudança de conceitos, diminuição das diferenças. “Mostrar ao negro que ele pode se inserir em todos os ambientes”. Ele abordou como os serviço social combate este tipo de violência e preconceito, bem como a promoção social nas comunidades negras e nas aldeias indígenas.

Para Cristiano Lima, que coordena na Bahia o Plano Juventude Viva, da Sepromi, que no seminário abordou “Racismo Institucional”, não deve haver, sob nenhum hipótese, situação de discriminação em instituições públicas”. Ele também apresentou o Estatuto da Igualdade Racial, que considera o principal instrumento da luta contra o preconceito.

A presidente do Comdecni, Lourdes Santana, diz que servidores treinados e conscientes tornam o atendimento das pessoas vitimadas pelo preconceito mais humanizado. “Elas não vão estar preparadas apenas para ouvir melhor, vão saber o que fazer para resolver o problema dentro do que determina a Lei”.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br