Projeto ‘Era uma vez… Brasil’ leva estudantes brasileiros à Europa

Europa é destino de estudantes brasileiros. Vista do porto de Valletta, capital da Ilha de Malta.

Europa é destino de estudantes brasileiros. Vista do porto de Valletta, capital da Ilha de Malta.

Vivenciar um intercâmbio cultural de dez dias em Lisboa – Portugal, percorrendo os caminhos da corte portuguesa antes da chegada ao Brasil. Esta será a oportunidade dada a cem dos mais de dez mil alunos participantes do ‘Era uma Vez… Brasil’, projeto de arte-educação voltado para adolescentes do oitavo ano da rede pública municipal de ensino que será realizado nas cidades de Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Novo Horizonte (SP) e Belo Jardim (PE).

Criado pela Origem Produções, o ‘Era uma Vez… Brasil’ é um programa de atividades que tem o objetivo de colaborar com o desenvolvimento da cultura nacional, promovendo o enriquecimento dos alunos envolvidos por meio do contato com diferentes linguagens artístico-culturais. Nesta edição, traz como tema a transferência da família real e da corte portuguesa para o Brasil, tendo como base o livro 1808, do escritor Laurentino Gomes.

Estimular a compreensão dos alunos sobre a história do Brasil e seus reflexos atuais é um dos pontos fundamentais do projeto. “Pretendemos despertar o lado crítico desses adolescentes para que entendam a sua própria história e passem a ver o seu país sob outra perspectiva. Como Marc Bloch diz ‘a incompreensão do presente nasce fatalmente da ignorância do passado’ e é exatamente isso que o projeto visa mudar”, exalta Marici Vila, diretora executiva da Origem Produções.

O ‘Era uma Vez… Brasil’ será lançado oficialmente no dia 4 de março e Salvador, primeira capital do Brasil, foi escolhida para a cerimônia em função da sua importância histórica. O lançamento nacional acontecerá na sede da Associação Comercial da Bahia – ACB, prédio datado de 1811, doado pelo próprio D. João VI e que abriga uma tela gigantesca, com mais de cinco metros de largura, de Cândido Portinari, retratando a chegada da família real à Bahia. O evento, para convidados, contará com a presença do escritor Laurentino Gomes que também participa de algumas atividades no projeto.

A partir do lançamento, serão mais nove meses intensos de atividades, que compreendem desde a preparação do corpo docente, com material didático específico, até a seleção final dos alunos que farão o intercâmbio. As inscrições estarão abertas até o dia 30 de março, para estudantes das escolas parcerias indicadas pelas secretarias de Educação de cada cidade, e o regulamento disponível no site oficial: www.eraumavezbrasil.com.br .

Com três etapas, o projeto vai contemplar até novembro mais de dez mil estudantes nas cinco cidades em que será realizado. Além do propor a pesquisa sobre história e cultura do Brasil, o programa estimula também a escrita e a leitura, além do conhecimento mais aprofundado sobre capoeira, teatro, música, história em quadrinhos (HQ) e audiovisual.

Etapas

As atividades da primeira etapa do projeto já estão em andamento com a capacitação do corpo docente. Até junho serão quatro encontros, de quatro horas cada, entre os professores e o coordenador educativo do projeto em cada cidade. Nesses encontros, os professores serão estimulados a incentivar os alunos propondo atividades de pesquisa, leitura e culturais, tendo como resultado a produção histórias em quadrinhos e vídeos de um minuto com a temática do projeto. Os cem estudantes que criarem as melhores HQs e vídeos vão para a segunda etapa.

Nessa fase, os adolescentes participam de um campus durante sete dias, em período integral, com oficinas culturais de teatro, música, audiovisual, capoeira e HQs. As cem melhores tirinhas em quadrinhos produzidas por eles integrarão o livro Era uma vez… Brasil, que será distribuído em escolas e bibliotecas no Brasil e em Portugal. Essa etapa é decisiva para a seleção dos estudantes que seguirão para a etapa final do projeto, a viagem a Portugal.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br