Eleições 2016 – Feira de Santana: Ewerton Carneiro anuncia que PEN fará coligação com PHS e que permanecerá apoiando José Ronaldo

Ewerton Carneiro da Costa (Tom).

Ewerton Carneiro da Costa (Tom).

Na sessão legislativa desta terça-feira (22/03/2016), o presidente do diretório municipal do Partido Ecológico Nacional, vereador Ewerton Carneiro – Tom, anunciou que o PEN fará coligação com o Partido Humanista da Solidariedade para a disputa das eleições deste ano, em Feira de Santana.

“Está chegando a reta final de filiação partidária e creio que têm alguns colegas que não estão dormindo preocupados com filiação, preocupados com coligação, mas eu sou muito grato a Deus por ter me proporcionado estar à frente de um partido, o PEN, o qual me dá uma garantia melhor para uma coligação futura”, disse.

Ele disse que atualmente Feira de Santana vive uma “celeuma” com relação à chapão. “Que vai morrer um e que vai viver outro. O comentário hoje na cidade é este: que muitos vão enfartar, que muitos vão nadar, nadar e morrer na beira do mar, e que outros vão ter a felicidade de chegar. Mas, vocês sabem que toda a vida fui contra o chapão e nunca recuei dos meus pronunciamentos. Eu quero dizer nesta Casa que o PEN vai estar coligando nesta eleição com o PHS”, afirmou o edil, ressaltando que tem muita admiração pelo Partido Humanista da Solidariedade.

Na oportunidade, ele teceu elogios ao presidente do diretório municipal do PEN, vereador Reinaldo Miranda – Ronny, salientando que este é “um jovem futurístico, uma cabeça pensante, que tem revolucionado esta Feira de Santana”.

Ele também parabenizou o vice-presidente do diretório municipal do PEN, vereador Robeci da Vassoura, bem como o vereador Tonhe Branco, por fazerem parte da sigla. “São homens de postura, eu vejo que vocês não estão sendo neófitos nessa área, porque é fácil fazer conta”, disse Tom, afirmando que quando se usa a matemática percebe-se facilmente que é desproporcional disputar eleição com vereadores mais estruturados politicamente. “Quem vai nadar, nadar e morrer na beira do mar é o diabo, não eu”.

Em aparte, o vereador Pablo Roberto (PMDB) parabenizou o pronunciamento de Tom e afirmou que este em todas as reuniões sempre se posicionou contra a formação de um chapão dos edis governistas para a disputa das eleições deste ano.

“E hoje toma uma decisão muito coerente, muito responsável e, claro, pensando na sobrevivência política de Vossa Excelência, do seu grupo, das pessoas que fizeram com que Vossa Excelência estivesse aqui nesta Casa. Eu acho que é uma decisão muito acertada, acho que o PHS cresce, como todos nós estamos acompanhando, de forma muito forte, com a condução do presidente Ronny, de modo que essa coligação tem possibilidades reais de fazer um número significativo de vereadores que possam retornar nesta Casa”, acredita.

Novamente com o uso da palavra, o vereador Tom agradeceu a Pablo pelos elogios e disse acreditar que o peemedebista irá tomar também uma posição firme com relação à chapão. “Eu creio que Vossa Excelência também é um jovem que não vai nadar, nadar e morrer na beira do mar. Eu creio que Vossa Excelência vai tomar uma atitude na hora certa e a hora é essa, porque depois que estiver tudo arrumadinho aí, infelizmente, nós vamos barrar algumas coisas”, alertou.

Em aparte, o vereador Robeci da Vassoura também parabenizou Tom pelo discurso, afirmando que o colega teve uma atitude sábia ao decidir e anunciar que o PEN irá se coligar com o PHS. “O presidente Ronny assumiu o PHS há menos de oito dias e eu creio que o partido será a maior bancada aqui na Câmara. Já temos três vereadores, Vossa Excelência vindo, serão quatro. E Roque Pereira vindo, a sigla ficará com cinco”, anseia.

Na sequência, o vereador Roque Pereira (DEM) disse que seria uma honra participar como membro do Partido Humanista da Solidariedade. “Recebi este convite e confesso que fiquei meio balançado, hei de conversar, não tem problema nenhum, estamos aqui para dialogar, se há tempo para se fazer a mudança, não tem nenhum problema. Desde que essas coligações estejam ao lado do prefeito José Ronaldo, para mim não tem nenhuma dificuldade”, ressaltou.

Retomando o discurso, o vereador Tom relatou, sem revelar nomes, que quando assumiu o PEN houve especulações de que ele iria deixar de apoiar o chefe do Executivo Municipal. “Então, vou afirmar mais uma vez, porque eu garanto o que  falo, não existe nenhuma condição para eu sair do apoio ao prefeito José Ronaldo de Carvalho”.

Em aparte, o vereador Welligton Andrade (PSDB) parabenizou Tom por permanecer apoiando o prefeito José Ronaldo e afirmou que o colega vem dando uma demonstração de “ética, moral e honradez”. Disse também que o referido edil tem exercido o mandato com muita responsabilidade na Casa da Cidadania, “dignificando Feira de Santana e dignificando todos os seus redutos eleitorais, em particular a Rua Nova”.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br