Centro Universitário Estácio adquire Faculdade Unidas Feira de Santana por R$ 9,5 milhões

Estácio faz a primeira aquisição do ano: a FUFS, de Feira de Santana, na Bahia. Estácio chega ao segundo maior município da Bahia com uma operação presencial com grande potencial de crescimento e também com o ensino a distância, onde tem dois polos recém-protocolados.

Estácio faz a primeira aquisição do ano: a FUFS, de Feira de Santana, na Bahia. Estácio chega ao segundo maior município da Bahia com uma operação presencial com grande potencial de crescimento e também com o ensino a distância, onde tem dois polos recém-protocolados.

Presente em Salvador há 18 anos, por meio do Centro Universitário Estácio da Bahia, com cerca de 20 mil alunos matriculados em três unidades, a Estácio amplia sua presença física no estado com a chegada a Feira de Santana por meio da FUFS (Faculdade Unidas Feira de Santana). A aquisição custou R$ 9,5 milhões. A aquisição da Faculdade Unidas Feira de Santana é a primeira do ano realizada pela Estácio. Em 2015 foram outras duas: as Faculdade Nossa Cidade (FNC), em Carapicuíba (SP), em julho; e a Faculdade de Castanhal (FCAT), no Pará, em novembro.

O município, a 100km de Salvador, é o segundo maior do Estado em volume populacional, com influência em outros 36 municípios próximos, de médio e pequeno porte. A FUFS é uma instituição de ensino recente: fez sua primeira captação no 1º semestre de 2013. O portfólio de cinco cursos – sendo que quatro deles então entre os mais demandados da região – é todo da área de saúde: Biomedicina, Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição e Radiologia (tecnólogo). A instituição tem CI (Conceito Institucional), emitido pelo MEC, igual a 3, em uma escala de 1 a 5.

A Faculdade Unidas Feira de Santana conta atualmente com 1,5 mil alunos matriculados, mas tem autorização para ofertar até 2.760 vagas. “Pretendemos começar a ofertar também cursos além da área de saúde, como Administração e Ciências Contábeis. Uma outra grande oportunidade de crescimento da Estácio em Feira de Santana é por meio do ensino a distância (EAD). Temos dois pedidos de polos de EAD em Feira de Santana protocolados junto ao MEC e um deles começa a operar ainda neste semestre”, explica Elísio Alcântara Neto, diretor da Estácio para a Região Nordeste. Os dois novos polos EAD da Estácio em Feira de Santana vão se somar a outros 14 polos que a instituição já mantém na Bahia.

Estácio: instituição líder no Nordeste

Presente em todos os estados do Nordeste, a Estácio é líder no mercado de ensino superior privado na região. No total, entre alunos presenciais e a distância, são 140 mil matriculados. Para Elísio Alcântara, a Estácio não para de crescer e ganhar relevância acadêmica entre alunos, professores e a sociedade em geral, porque tem como premissa o foco no aluno. “Nossas equipes estão comprometidas em dar toda a atenção a eles para que se formem e realizem o sonho de ter um diploma, mesmo com todas as dificuldades. Oferecemos um ensino de qualidade, com avaliações acadêmicas cada vez melhores, além do compromisso com a empregabilidade e com a inovação.”

Sobre a Estácio

A Estácio, uma das maiores e mais respeitadas organizações educacionais do Brasil, atua há 46 anos no segmento de ensino superior. Fundada no Rio de Janeiro, a Estácio está presente em 22 estados e no Distrito Federal, contando com mais de 536 mil alunos matriculados e uma estrutura de cinco mil colaboradores e nove mil professores.

A Estácio oferece cursos reconhecidos pelo MEC, com elevados conceitos de qualidade, nas modalidades presencial e a distância, de Graduação (Tradicional e Tecnológica) e Licenciatura, nas áreas de Ciências Exatas, Biológicas e Humanas e, também, cursos de pós-graduação lato sensu. Os cinco cursos de Mestrado e três de Doutorado (Direito, Odontologia e Educação) oferecidos pela instituição, são avaliados com elevados conceitos de qualidade pelo MEC (CAPES). São, também, desenvolvidos e ofertados pela instituição cursos técnicos de preparação (PRONATEC), soluções de educação para empresas e cursos de extensão.

Cada vez mais comprometida com sua missão de “Educar para Transformar”, a Estácio mantém seus currículos totalmente alinhados com as necessidades do mercado de trabalho e a evolução profissional dos nossos alunos e aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado.  Respeitadas as regionalidades e a contribuição individual de cada professor, o modelo de ensino da Estácio é nacionalizado e os conteúdos padronizados. Todos os alunos recebem material didático gratuito, de alto nível, em uma cadeia totalmente sustentável.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br