“Ação contra ex-presidente Lula foi desnecessária, arbitrária e política”, afirma deputado Joseildo Ramos

Joseildo Ramos: "Ação contra ex-presidente Lula foi desnecessária, arbitrária e política".

Joseildo Ramos: “Ação contra ex-presidente Lula foi desnecessária, arbitrária e política”.

O deputado estadual Joseildo Ramos (PT), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa, criticou, nesta sexta-feira (04/03/2016), a ação deflagrada contra o ex-presidente Lula e sua família. “A ação contra Lula foi desnecessária, arbitrária e política. O espetáculo montado oferece indícios de que a Lava Jato não busca necessariamente a justiça. Esperamos que as instituições funcionem corretamente, com lisura e independência, sem aberrações. ”

Para o parlamentar, não havia qualquer embasamento jurídico que justificasse a condução coercitiva para obter o depoimento de Lula, fato, segundo, ele confirmado por inúmeros juristas. Joseildo considerou “risível” a desculpa apresentada pelo juiz Sérgio Moro, que alegou o risco de tumultos como justificativa para adotar a coerção. “ Não será com açodamentos, atropelos e ilegalidades que chegaremos a algum lugar. Acredito que a Lava-Jato termina o dia de hoje menor e sem máscaras”, concluiu.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br