Presidente da República diz que Lula sofre “grande injustiça” e que América Latina e o mundo precisam de uma referência como o ex-presidente

Durante visita ao Rio de Janeiro, Presidenta Dilma Rousseff defendeu o ex-presidente Lula.

Durante visita ao Rio de Janeiro, Presidenta Dilma Rousseff defendeu o ex-presidente Lula.

A presidente da República, Dilma Rousseff, afirmou hoje (13/02/2016), no Rio de Janeiro, que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é vítima de uma “grande injustiça”. Ela saiu em defesa do aliado um dia depois de se reunir com ele em São Paulo. Segundo a presidente, os dois discutiriam as investigações sobre o tríplex no Guarujá e o sítio usado pela família de Lula em Atibaia, no interior paulista.

“Acho que ele está sendo objeto de uma grande injustiça. Eu respeito muito a história do presidente Lula e tenho certeza de que este processo que será superado, porque acredito que o País, a América Latina e o mundo precisam de uma liderança com as características do presidente Lula”, disse a presidente.

As declarações foram feitas ao lado do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, e do prefeito da capital fluminense, Eduardo Paes. Os dois integram a ala do PMDB que apoia o governo federal e se opõe ao impeachment da presidente.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br