Prefeito de Feira de Santana e presidente da Câmara Municipal emitem nota em memória de Hosannah de Oliveira Leite Figueiredo

Políticos prestam homenagem póstuma ao ex-vereador Hosannah de Oliveira Leite Figueiredo.

Políticos prestam homenagem póstuma ao ex-vereador Hosannah de Oliveira Leite Figueiredo.

“Um dos bons quadros da vida publica”, diz prefeito José Ronaldo sobre Hosannah

O prefeito Jose Ronaldo lamentou neste domingo a morte do ex vereador e ex secretário municipal Hosannah Leite de Figueiredo. “Foi um dos bons quadros da vida pública, quer atuando no Legislativo, quer exercendo funções no Poder Executivo” , disse o prefeito.

Na administração municipal, alguns integrantes do primeiro escalão foram colegas vereadores de Hosannah, a exemplo do secretário de Meio Ambiente Roberto Tourinho e do diretor-presidente da Fundação Cultural Egberto Costa, Antônio Carlos Coelho. “Era um grande amigo. E um político honrado, íntegro e ético”, disse Coelho.

Hosannah era feirense de Bonfim de Feira. O sepultamento está previsto esta segunda-feira (15/02/2016), em horário a ser definido.

Ele deixa viúva France Rodrigues Figueredo, com quem teve duas filhas: Thais France e Thiaine France.

O secretário de Desenvolvimento Social do Município, Ildes Ferreira, era amigo de Hosannah e os dois militaram juntos no antigo MSN (atual PMDB). “A Feira de Santana perde um filho que honrou esta cidade. Um defensor da democracia que inclusive lutou bravamente contra a Ditadura”, afirmou. O corpo do ex-vereador está sendo velado na Prefeitura Municipal.

Ildes fez para a imprensa um resumo sobre a trajetória de Hosannah Leite:

Bacharel em Ciências Econômicas, ele atuava como professor do Colegiado de Economia da FTC. Hosannah estudou no Colégio Santanópolis entre 1962 a 1964, onde foi presidente do Grêmio Honorato Bonfim.

Exerceu os cargos de secretário de Expansão Econômica (1979-1982); superintendente do Centro de Abastecimento, quando o órgão era uma autarquia.

Ocupou o cargo de superintendente da Previdência Social na Bahia; diretor de Desenvolvimento Industrial do Centro de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Cedic), entre 1987 e 1988; vereador de 1989 a 1990, presidente da União de Vereadores da Câmara Municipal do Estado da Bahia.

Ele mantinha um escritório de contabilidade e assessoria de empresas. Também trabalhou no Banco do Brasil, agências de Feira de Santana e Jequié, entre 1965 e 1968. Antes, de 1962 a 1964, no Banco de Administração. Foi gerente de Controladoria da Cooperativa Central de Laticínios da Bahia, entre 1999 e 2001.

Hosannah Leite estava presidente municipal do PSB, era membro da Comissão da Verdade, como ex-preso e perseguido político.

Em 2004, recebeu da Câmara Municipal a Medalha Dival Figueredo Machado no Dia Nacional do Vereador, 1º de outubro. Em 2012, foi homenageado pela Câmara Municipal com a Comenda Francisco Pinto. O autor da matéria foi o vereador Antonio Carlos Passos Ataíde (Democratas). Em 2010, foi agraciado com Comenda da Ordem do Mérito Municipal.

No meio artístico

Em meados dos anos 60, atuou no meio artístico participando como ator nas peças “A Revolução dos Beatos”, de Dias Gomes, dirigida por Nemésio Garcia, e em “O Patinho Preto”, de Walter Quaglia, com direção de Antonio Miranda; bem como no coro de “Só o Faraó Tem Alma”, de Silveira Sampaio, direção de Raymundo Pinto, todos em 1967.

Presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana lamenta morte de ex-vereador

O Presidente do Poder Legislativo feirense, vereador Reinaldo Miranda Vieira Filho, lamenta profundamente o falecimento do ex-vereador e ex-secretário de Feira de Santana, Hosannah de Oliveira Leite Figueiredo.

“Tive o privilégio de desfrutar do convívio pessoal deste grande homem. Hosannah Leite  deixa muitos ensinamentos, um grande exemplo de amor por Feira de Santana e muita saudade.

Hosannah tinha 70 anos, foi secretário do município e dirigente do PSB na cidade de Feira de Santana.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br