Oposição tenta atingir Lula ao associar ex-presidente à Lava Jato, diz ministro da Justiça

Ministro José Eduardo Cardozo disse ainda que Lula age com “absoluta lisura em seus comportamentos”.

Ministro José Eduardo Cardozo disse que Lula age com “absoluta lisura em seus comportamentos”.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse na quinta-feira (11/02/2016) que a oposição procura atingir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao tentar associar o nome do petista às investigações da Operação Lava Jato.

Ao comentar as notícias veiculadas nos últimos dias sobre as relações de Lula com dois imóveis que passaram por reformas pagas por empreiteiras investigadas na Lava Jato, Cardozo disse que a investigação será feita com “autonomia, como todas as investigações”.

Segundo o ministro, setores da oposição buscam “a cada passo” afetar a imagem de Lula.

“Não tenho a menor dúvida que muitos da oposição, não todos, mas muitos, se unificam nessa hora para tentar atingir a imagem de um líder que politicamente é muito forte e que sempre foi muito respeitado”, afirmou o ministro em entrevista após participar de reunião no Palácio do Planalto sobre o combate ao vírus Zika.

Cardozo disse ainda que Lula age com “absoluta lisura em seus comportamentos”.

Delações

O ministro reafirmou que a orientação dada à Polícia Federal (PF) é investigar todos os casos de vazamento ilegal de informações da operação, independentemente dos atingidos, sejam aliados ou adversários do governo. Quando há indícios de que as irregularidades envolvem servidores da PF, segundo Cardozo, há abertura de processo disciplinar.

“Quando eu tenho uma situação de dúvida, quando, por exemplo, é um vazamento de delação premiada, em que nós não sabemos se houve vazamento ou levantamento de sigilo, eu busco fazer uma apuração preliminar. Se confirmado que há um vazamento ilegal, determinamos a abertura de um inquérito policial”, disse.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br