Feira de Santana: vereadora Eremita Mota rebate discurso do líder do governo

Eremita Mota de Araújo: “Gostaria de dizer a Zé Carneiro que lamento muito que esse discurso não tenha sido feito na presença dos professores.”.

Eremita Mota de Araújo: “Gostaria de dizer a Zé Carneiro que lamento muito que esse discurso não tenha sido feito na presença dos professores.”.

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta quarta-feira (17/02/2016) da Câmara Municipal de Feira de Santana, a vereadora Eremita Mota (PDT) rebateu o pronunciamento do líder do Governo na Casa, vereador José Carneiro Rocha (PSL), em relação às reivindicações dos professores, mais especificamente sobre o posicionamento da diretora da APLB, Marleide Oliveira.

“Gostaria de dizer a Zé Carneiro que lamento muito que esse discurso não tenha sido feito ontem (terça-feira, 16), na presença dos professores. Ontem era o momento certo para esse discurso. Eu, como professora, tenho minhas restrições com a APLB, mas não pode ser direcionado algo contra o professor pela pessoa da diretora Marleide. Se ela comete truculências, como disse, os professores não. Também lamento que aqui ontem não tinha um número bom de professores”, disse Eremita.

Ainda segundo a edil, a presença de poucos profissionais não ajudou a fortalecer o movimento. “A quantidade foi pífia, ficou sem representatividade. Se tivesse aqui 80% dos professores o efeito seria outro”, pontuou.

Em aparte, o líder do Governo na Casa, vereador José Carneiro Rocha (PSL) explicou que não fez este discurso ontem por falta de oportunidade, pois usou a tribuna para fazer a leitura da mensagem do prefeito José Ronaldo encaminhada à Casa. “Em nenhum momento em dirigir ao professorado, falei exclusivamente à Marlede Oliveira”, justificou.

De volta com a palavra, Eremita defende que se os professores estão parados é porque algo de errado está acontecendo. “Ou eles não gostam da maneira que a presidente está conduzindo a situação ou preferem se manter em stand- by, porque não vejo a categoria indo para o enfrentamento. Só há conquistas se a categoria avançar e chegar junto, caso contrário, dará problema”, avaliou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br