Feira de Santana: vereador denuncia atraso salarial de vigilantes do Zilda Arns

Luiz Augusto de Jesus (Lulinha) denuncia atraso salarial de vigilantes do Zilda Arns.

Luiz Augusto de Jesus (Lulinha) denuncia atraso salarial de vigilantes do Zilda Arns.

O vereador Luiz Augusto de Jesus – Lulinha (PEN), em discurso na sessão ordinária da Casa da Cidadania, nesta quarta-feira (17/02/2016), denunciou que os vigilantes da Casa de Atendimento Socioeducativo Zilda Arns estão há 50 dias sem receber o salário.

“São pais de família, pessoas trabalhadoras que estão em busca dos seus salários, porque têm seus compromissos para arcar. A empresa que presta serviço ao Zilda tem 50 dias que não paga aos vigilantes”, reclamou.

De acordo com o edil, no ano passado também ocorreu atraso no salário da categoria, mas, segundo ele, após suas denúncias nos meios de comunicação e no Legislativo feirense a situação foi regularizada. “Agora, voltou o atraso”, disse Lulinha, cobrando uma intervenção do líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado Zé Neto (PT), para que o problema seja resolvido.

Professores grevistas

Mudando de foco, Lulinha criticou o “desrespeito” dos professores grevistas para com os vereadores governistas que usaram a tribuna, na sessão de ontem. De acordo com o edil, alguns docentes, que se encontravam nas galerias, viraram as costas e vaiaram os parlamentares.

Lulinha salientou que, apesar disso, o Legislativo feirense teve uma atitude louvável com os professores, concedendo o espaço da Câmara para que a diretora da APLB pudesse se expressar, embora o sindicato não tenha enviado em tempo hábil um ofício para usar a tribuna livre, como determina o Regimento Interno da Casa.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br