Em sessão especial na Alba, SIHS reforça meta de universalizar água e saneamento

Em sessão especial na Alba, SIHS reforça meta de universalizar água e saneamento.

Em sessão especial na Alba, SIHS reforça meta de universalizar água e saneamento.

Presente na sessão especial realizada na manhã desta sexta-feira (26/02/2016), em homenagem à Campanha da Fraternidade, que este ano tem como tema: “Casa comum, nossa responsabilidade”, o secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, representando o governador Rui Costa, ao pontuar que partindo da premissa de que água é vida, destacou que: “precisamos cuidar do planeta, oferecer água de qualidade e saneamento básico pra que todos vivam dignamente”.

Neste contexto, Peixoto elencou que apesar da crise hídrica brasileira e da complexidade na implementação do saneamento básico na Bahia, foram investidos R$ 716,6 milhões em sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, em especial nas áreas rurais, cujas dificuldades da população são maiores.

“E realizamos o sonho de mais 600 mil moradores, que há muito esperavam ter água potável em suas torneiras. Em 2016, a meta da nossa gestão é fazer muito mais, chegando cada vez mais às comunidades dispersas, onde a água é um recurso valioso para a sobrevivência da população e o desenvolvimento local”, enfatizou Peixoto. Aliado a isso, o secretário frisou que a Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS) pactuou projeto de Planos Municipais de Saneamento com 21 municípios, que beneficiará nesse primeiro momento mais de 800 mil pessoas em diversas regiões.

“O saneamento requer esforço mútuo, governo e sociedade unidos em prol do mesmo objetivo: cuidar do nosso planeta, do nosso país, da nossa Bahia. Não temos como falar em igualdade e transformação da sociedade sem saneamento e sem água de qualidade. Por isso, acertadamente e tendo uma visão de futuro, o Governador criou a Sihs, visando investir e universalizar esse bem tão precioso”.

A proponente do debate, deputada estadual , Maria Del’ Carmen, comungando da importâncias das ações, reforçou que: “Nosso dever é militar contra as desigualdades sociais e lutar pelo direito ao acesso à água e ao saneamento básico. Com todos engajados na melhoria da qualidade de vida de todos nós, moradores dessa casa comum”.

Por fim, Dom Murilo Krieger, Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, afirmou que é preciso união em prol daquilo que é o bem do povo. “Por isso, a nossa preocupação pela vida, que assim como à água é bem imensurável”.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br