Eleições 2016 – Camaçari: José Tude diz que unidade da oposição está garantida

José Tude, pré-candidato a prefeito de Camaçari.

José Tude, pré-candidato a prefeito de Camaçari.

Principal assunto nos diversos sites de notícias nas últimas semanas, o ex prefeito de Camaçari José Tude (PMDB), que já governou o importante município da RMS por três vezes, garante disposição e determinação para levar às convenções, sua candidatura à prefeito de Camaçari, nas eleições municipais de 2016.

E quem afirma isso, é ele mesmo. “Estou muito feliz com o crescimento visível da nossa candidatura. O nosso crescimento de 8%, e a queda vertiginosa dos adversários na última pesquisa Bahia Notícias/Dataqualy, confirmou o que eu já percebia nas ruas e nas nossas reuniões com a comunidade.” Comemorou Tude.

Tude diz que sua experiência política e administrativa,  farão toda a diferença na campanha e na futura gestão. “Estou nisso há muitos anos. Dediquei mais da metade dos anos que vivi até hoje, à causa pública. Venci disputas titânicas e sei o caminho da vitória. Além disso, meus mandatos me credenciam como o melhor prefeito de Camaçari, não sou eu quem digo isso, mas todas as pesquisas de opinião pública da época, me elegiam como melhor prefeito do Brasil.”

Sobre o convite feito numa entrevista ao radialista Roque Santos, pelo deputado federal e também ex prefeito Luiz Caetano (PT), para compor a chapa petista na condição de vice, Tude foi categórico. “Ele deve convidar o atual prefeito, Ademar Delgado. Ambos são do PT, Caetano colocou ele lá, para nada fazer. Agora, em virtude da pior gestão que a população de Camaçari já assistiu, eles fazem uma cena tosca de teatro, tentando descolar as imagens um do outro. Na verdade, ambos são faces de uma mesma moeda, sem valor e sem nenhuma credibilidade política. Eles se merecem, merecem naufragar abraçados, no mar de lama que tornaram a administração de Camaçari. Enquanto eles fingem e dissimulam, o povo sofre.”

Tude fala ainda sobre a unidade dos oposicionistas e escolha do candidato. “Ainda é cedo para falarmos em escolha do nome da oposição. Tenho falado constantemente com as lideranças dos maiores partidos da oposição, o presidente estadual do meu partido, o PMDB, Geddel Vieira Lima e com o prefeito ACM Neto, líder do Democratas, e ainda não estabelecemos um prazo para essa definição. Qualquer coisa diferente dessa minha afirmação, é pura especulação. Mas garanto que será antes do mês de julho.

Enquanto isso, vamos continuar levando para todos os bairros e localidades da cidade, o ‘Plano Municipal de desenvolvimento – Pra Frente Camaçari’. Um programa de governo colaborativo, que recebe nos lugares onde chega, a contribuição das pessoas através das suas ideias e propostas para melhorar seu bairro e a cidade como um todo.”

 Tude conclui. “Vamos continuar nosso caminho de crescimento e fortalecimento da nossa candidatura. No momento certo, aquele que reunir mais condições políticas,  experiência administrativa e de competitividade, será o candidato. Uma coisa eu tenho certeza, os partidos oposicionistas estarão todos em um mesmo palanque em 2016, para tirar Camaçari do vermelho mais uma vez.”

Nesta quarta-feira (24/02), 19h, Tude estará acompanhado dos pré candidatos a vereadores do PMDB e do PTB, na Rua do Campo em Arembepe, para mais uma apresentação do plano Pra Frente Camaçari.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br