Cerca de 1 mil milhão de pessoas dependem dos pântanos para sobreviver

Pântano no Timor-Leste.

Pântano no Timor-Leste.

O Dia Mundial dos Pântanos é celebrado neste 2 de fevereiro de 2016, tendo em vista o futuro das pessoas que dependem dessas zonas naturais para sobreviver. O Programa Mundial do Meio Ambiente, Pnuma, destaca ainda que a Convenção Ramsar sobre Pântanos completa 45 anos.

Mais de 800 eventos no mundo promovem o papel vital que essas áreas têm para o bem-estar humano. Calcula-se que mais de 1 mil milhão de pessoas ganham o seu sustento por meio dos pântanos em atividades como pesca, plantação de arroz ou artesanato.

Degradação

Outros sectores que geram renda são ecoturismo, transporte de água e aquacultura. Mas mesmo com tantos benefícios, o Pnuma releva que 64% dos pântanos desapareceram desde 1990, convertidos para uso agrícola ou desenvolvimento urbano.

A agência explica que pântanos em áreas costeiras também degradam com rapidez: 40% sofreram danos nos últimos 40 anos e o declínio continua numa taxa acelerada de 1,5% ao ano.

Nova Era

No Dia Mundial, o Pnuma destaca ser urgente a promoção da preservação dos pântanos, especialmente porque “2016 marca o início de uma nova era”, a da implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

A Convenção sobre Pântanos foi assinada por 169 países e mais de 2,2 mil áreas são reconhecidas como pântanos de importância internacional, cobrindo 208 milhões de hectares.

A nova estratégia Ramsar para o período 2016-2024 foca nos benefícios dos pântanos para os sectores de água, energia, agricultura, mineração, turismo, florestas, pesca e indústria.

*Com informação da Rádio ONU.

Outras publicações

Fabricante de caminhões MAN aposta no Brasil para atenuar prejuízos Empresa alemã registra prejuízo de 258 milhões de euros em 2009, depois de ter lucro bilionário no ano anterior. Esperanças se voltam para os mercado...
Em cima da hora, Chávez cancela viagem ao Brasil por motivos médicos A mensagem chegou em Brasília horas antes da chegada prevista de Hugo Chávez. Presidente venezuelano teria machucado o joelho. Em seu lugar, lider env...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br