Feira de Santana: exposição ‘Bahia de todos os traços’ ocorre no Museu de Arte Contemporânea Raimundo de Oliveira

Cartaz da exposição 'Bahia de todos os traços'.

Cartaz da exposição ‘Bahia de todos os traços’.

Em 2015, o artista DonGuto foi convidado para pintar o Centro de Capoeira Angola em Viena, na Áustria. Durante a atividade foi celebrado o ‘Dia da Consciência Negra’, evento organizado pelo Grupo de Capoeira Angola ‘Irmãos Guerreiros de Viena’. A atividade contou com diversos mestres que vivem e compartilham as raízes em terras estrangeiras Foi a partir dessa experiência que surgiu o projeto Bahia de Todos os Traços’. O projeto tem como proposta levar o artista a viver outra realidade, em busca de uma inspiração que transborde as suas próprias fronteiras.

A exposição ‘Bahia de todos os traços’ é resultado da união entre DonGuto e Ícaro de Oliveira, criador do Atelier Filmes, que conta no currículo obras como o documentário “A Ópera Negra do Portal do Sertão”, além de diversos videoclipes da cena musical baiana. Ela apresenta os dias vividos durante o evento na Áustria, com imagens e vídeos compilados em um mosaico audiovisual, além de expor novas obras em que DonGuto tem trabalhado durante todo o processo do projeto.

A abertura da exposição ocorre na sexta-feira (29/01/2016), às 20 horas no Museu de Arte Contemporânea Raimundo de Oliveira (MAC Feira de Santana).

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br