Velho Chico lança camisa em braile e doa renda para Instituto de Cegos da Bahia

​Velho Chico lança camisa em braile e doa renda para Instituto de Cegos da Bahia.

​Velho Chico lança camisa em braile e doa renda para Instituto de Cegos da Bahia.

A marca de roupas baiana Velho Chico lançou na sexta-feira (04/12/2015) a primeira camiseta com estampa em braile: sistema de leitura com o tato adaptado para cegos. O lucro líquido rentabilizado com a venda dessas camisas será revertido para o Instituto de Cegos da Bahia, localizado no bairro do Barbalho, em Salvador.

A nova peça trará estampado o calango – símbolo da marca – na parte frontal, e na parte superior das costas escrito em braile “O essencial é invisível aos olhos”, famosa frase do livro O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry.

“Nossa preocupação com a valorização da cultura nordestina está dando mais um passo. Nós queremos dar acesso e permitir que os deficientes visuais também façam parte deste movimento”, revela um dos sócios da marca.

Para a Velho Chico, não se trata apenas do lançamento de mais uma peça da nova coleção. A ação faz parte, na verdade, de uma campanha de inclusão social dos deficientes visuais ao movimento de fortalecimento do orgulho de ser nordestino.

#PraCegoVer

Pensando em uma forma de incluir também os deficientes visuais no nosso movimento de resgate da cultura nordestina nas Redes Sociais, aderimos, há mais de um mês, a campanha #PraCegoVer.

Funciona assim: basta acrescentar uma legenda com a descrição da foto publicada usando a #PraCegoVer. A partir de um aplicativo de leitor de tela, o texto publicado poderá ser reproduzido em formato de áudio. Dessa forma, ajudamos a promover acessibilidade nas redes sociais, permitindo que todos entendam a nossa mensagem, inclusive as pessoas com deficiência visual.

​​Sobre o Instituto de Cegos da Bahia (ICB)

Atualmente o Instituto de Cegos da Bahia (ICB) acolhe cerca de 160 deficientes visuais de 0 a 21 anos, que se encontram distribuídos em ambulatório, internato, semi-internato e Oficina Pré-Profissional. O Instituto fornece gratuitamente aos deficientes visuais: alimentação, vestuário, medicamento, material escolar, fardamentos, artigos de higiene, etc.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Facebook do JGB

Publicações relacionadas

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br