Presidente Dilma Rousseff e Vice-presidente Michel Temer afirmam que terão relação profícua, pessoal e institucional

O vice-presidente Michel Temer, após reunião com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto.

O vice-presidente Michel Temer, após reunião com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto.

A presidenta da República, Dilma Rousseff, disse há pouco, por meio de nota divulgada pelo Palácio do Planalto, que ela e o vice-presidente Michel Temer decidiram ter  “uma relação extremamente profícua, tanto pessoal quanto institucionalmente”.

“Na nossa conversa, eu e o vice-presidente Michel Temer decidimos que teremos uma relação extremamente profícua, tanto pessoal quanto institucionalmente, sempre considerando os maiores interesses do país”.

Um pouco antes, ao sair da reunião, o vice-presidente disse aos jornalistas que na conversa com Dilma ficou acertado que os dois terão “uma relação pessoal, institucional que seja a mais fértil possível”.

“Combinamos, eu e a presidenta Dilma, que nós teremos uma relação pessoal, institucional que seja a mais fértil possível”, afirmou Temer.

Dilma e Temer se reuniram no começo da noite, durante pouco mais de 50 minutos, no Palácio do Planalto. Desde a semana passada, os dois não se encontravam pessoalmente. Na segunda-feira (7), Temer enviou carta à presidenta em que aponta “fatos reveladores” da desconfiança que o governo tem em relação a ele e ao PMDB.

No documento, entregue no fim da tarde no Palácio do Planalto,  o vice “rememorou fatos ocorridos nesses últimos cinco anos, mas somente sob a ótica do debate da confiança que deve permear a relação entre agentes públicos responsáveis pelo país”.

De acordo com a assessoria de imprensa da Vice-Presidência, a decisão de Temer de escrever a carta foi tomada após a presidenta informar, durante entrevista coletiva à imprensa, na manhã de segunda-feira, que procuraria o vice para conversar.

O encontro desta noite com Michel Temer ficou definido após o chefe da Casa Civil, Jaques Vagner, a pedido de Dilma, ter ligado para o vice-presidente marcando a reunião, que ocorreu após a presidenta voiltar de Roraima, onde cumpriu uma agenda de entrega de moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Teremos relação institucional mais fértil, diz Michel Temer após reunião com presidente Dilma Rousseff

O vice-presidente da República, Michel Temer, disse na quarta-feira (09/12/2015), após se encontrar com a presidenta Dilma Rousseff, que terá a partir de agora uma relação com a presidenta de modo “institucional” e que seja “a mais fértil possível”.

Os dois se reuniram esta noite durante pouco mais de 50 minutos no Palácio do Planalto. Depois da conversa, o vice-presidente afirmou que faria uma declaração de apenas uma frase, e não respondeu a perguntas dos jornalistas.

“Combinamos, eu e a presidenta Dilma, que nós teremos uma relação pessoal, institucional que seja a mais fértil possível”, disse.

Relação com Temer será extremamente profícua, pelos maiores interesses do País, afirma presidente Dilma Rousseff

A presidenta Dilma Rousseff divulgou uma nota, na noite de quarta-feira (9), sobre a reunião que manteve hoje com o vice-presidente Michel Temer.

Confira a íntegra da nota abaixo:

Na nossa conversa, eu e o vice-presidente Michel Temer decidimos que teremos uma relação extremamente profícua, tanto pessoal quanto institucionalmente, sempre considerando os maiores interesses do País.

Dilma Rousseff

Michel Temer é recebido por Dilma no Planalto

O vice-presidente Michel Temer esteve reunido neste com a presidenta Dilma Rousseff no Palácio do Planalto.

Após desembarcar em Brasília, pouco antes das 19h, a presidenta se encontrou com o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, e deu o sinal verde para que Temer fosse ao seu encontro.

Ele saiu há pouco do seu gabinete, no anexo do Planalto, e evitou responder perguntas dos jornalistas, informando que falaria depois com a imprensa.

A reunião é aguardada desde segunda-feira (7), quando Dilma disse que pretendia se encontrar com o vice. No mesmo dia, Temer enviou uma carta à presidenta, expondo suas insatisfações e revelando fatos que, segundo ele, provam a desconfiança de Dilma em relação a ele e ao PMDB.

*Com informações da Agência Brasil.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br