Escritora baiana lança romance épico ambientado no poderoso império romano

Capa do livro Roma de Ligia Viana.

Capa do livro Roma de Ligia Viana.

Um romance ambientado no império romano. Este é o grande mote do livro R.O.M.A. – Poder, Honra, Amor e Glória, da escritora baiana Ligia Viana, que será lançado dia 11 de dezembro, sexta-feira, às 19 horas, na livraria Leitura – segundo piso do Shopping Bela Vista (Salvador-Bahia).

Através da história da jovem Alena e do capitão Lúcios, Ligia nos mostra como os imperadores, e seu séquito de soldados, centuriões e generais, eram capazes de construir um império. Numa época em que a Itália tinha o poder político e influenciava todo o mundo com seus costumes, para vencer as batalhas e alcançar a glória, seu povo, muitas vezes, precisava renunciar ao amor.

O subtítulo — Poder, Honra, Amor e Glória — aponta a linha mestra utilizada na construção dos personagens: soldados, políticos e gente do povo que busca a conquista ou a manutenção do poder, colocando a honra acima de tudo, tentando ampliar e perpetuar a glória do modo de vida romano, e tendo como pano de fundo o amor em contraponto com os valores enaltecidos na época.

Sem se demorar em citações históricas, nem adotar uma linha didática, a trama é tingida por termos e explicações de lugares, ambientes, hábitos,  modo de vida e divindades que faziam parte do dia a dia dos romanos. A escritora costura, desse modo, um enredo que faz o leitor desejar estar inserido no ambiente e na época da história, enquanto o impulsiona a prosseguir em busca do desenrolar da trilha de cada personagem, criando sintonias, preferências e expectativas até o instante final.

Fala a escritora: “ao definir o mote e o enredo busquei estabelecer em que tempo se passava a história e quem eram os personagens. ‘Vi’ aquele homem como um soldado romano e ela… naquele momento como sua esposa… o tempo histórico se estabeleceu mais adiante quando contextualizei dentro de um tempo mais pacífico quando as principais batalhas decorriam da necessidade de manutenção das fronteiras estabelecidas.

“Pesquisei detalhes do cotidiano para não falar bobagens, tais como se nessa época existiam telhas…como eram as ‘velas’…como era o mobiliário…. que tipo de alimentos comiam… como era o treinamento militar… quais eram as patentes militares…as vias (estradas) romanas e bases legionários  (vendo época de criação e até quando foram mantidas)… os tipos de construções  (as casas… seus pátios. ..colunatas e tal)… mobiliário… pesquisei também sobre que bebida consumiam…ainda mais que falo dos habitantes das regiões norte (bretões. ..germânicos )…vestimenta militar e comum…”

Continua Ligia Viana: “a partir da primeira cena escrita corri loucamente atrás de uma história cujas cenas, narrativa e diálogos saltavam desesperadamente da minha mente querendo ser escritos. Isso ocorreu também no segundo volume da trilogia (G.R.A.C.O. – Poder, Honra, Amor e Glória) que já está pronto para publicar e com o terceiro que está sendo escrito.

“Não estabeleço final porque acho que o final chega na hora certa em que a história tem que terminar”.

Sobre o processo de criação literária depõe Ligia: “um dia pensei na cena e ela se construiu e registrei. Tempos depois resgatando meus escritos gostei e escrevi mais um pouco… em janeiro de 2014 ele gritava na minha mente para ser escrita e aí não parei mais…

“Escrevi para mim e quanto mais escrevia mais gostava da história e do processo de escrever… depois de um certo número de páginas escritas comecei a mostrar a algumas pessoas de confiança buscando opinião sobre a história, o estilo da escrita, o ritmo, os argumento, etc e diante de retornos positivos me animei a prosseguir.

“Resolvi descontruir as historias contadas sobre a ótica das guerras. As batalhas que narro não são o fim e sim o meio de fazê-la acontecer… e afinal é a história de um soldado (Lúcios Magno) e suas questões naquele mundo em que vivia… buscava se destacar para poder mudar a vida que levara até então… buscava ser fiel às suas crenças… buscava serenar seu coração… buscava se entender com seus deuses… buscava honrar a quem servia. É a história também de Alena… uma garotinha feliz e confiante que vê sua vida ser posta abaixo e se vê lançada num mundo que não conhece nem tem meios de enfrentar. Se agarra desesperadamente ao seu salvador e pensa que disso surgiu seu amor. Ela vem atender também a necessidade dele de superar perdas.

“É a história do encontro e desencontro entre os dois… da experiência  X inocência,  ingenuidade X maldade, amor X paixão.

“Nesse contexto surge o terceiro tripé da relação na figura de um estrangeiro sedutor chamado John Fieldrich. Tem presença no início da narrativa e retorna pra virar a história de ponta cabeça… balançando Alena entre o certo e o errado.

“Mais adiante nova volta joga o personagem Marcus Graco (um general amigo de Lúcios que amei escrever a ponto de dedicar o segundo livro â sua ‘vida’) no olho do furacão dessa relação até o desfecho que espero surpreender e agradar.”

Depoimento de um arguto leitor: “fui um dos felizardos, que pôde antecipadamente ler R.O.M.A – Poder, Honra, Amor e Glória, da artista plástica Ligia Viana, que agora tornou-se ainda mais virtuosa como escritora, com esta obra literária que mistura ficção com historia, num épico que ilustra de modo magistral o romance de uma camponesa feita escrava pelas hordas romanas e seu senhor que torna-se escravo dela pelo amor. Tudo numa maravilhosa ambientação da Roma antiga pós-Cristo, que me prendeu para lê-lo em breve espaço de tempo tal foi o grande interesse gerado” (comentários de Edvaldo Bomfim, médico e nas horas vagas crítico literário).

E continua o Dr. Edvaldo: “quem puder ter o prazer de ler obra tão interessante, a noite de autógrafos será na Livraria Leitura do Shopping Bela Vista (Salvador-Bahia), dia 11/12/2015, sexta-feira, às 19h”.

 

Sobre o autor

Juarez Duarte Bomfim
Baiano de Salvador, Juarez Duarte Bomfim é sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Tem trabalhos publicados no campo da Sociologia, Ciência Política, Teoria das Organizações e Geografia Humana. Diversas outras publicações também sobre religiosidade e espiritualidade. Suas aventuras poético-literárias são divulgadas no Blog abrigado no Jornal Grande Bahia. com.br.