Durante visita a Salvador, presidente Dilma Rousseff afirma: “apesar das dificuldades, Brasil não parou e nem vai parar”

Presidenta Dilma Rousseff recebe a fita do Senhor do Bomfim. “Mesmo passando por dificuldades, não paramos. Continuamos construindo casas, continuamos pagando Bolsa Família e hoje entregamos a linha 1 do metrô de Salvador”, declarou.

Presidenta Dilma Rousseff recebe a fita do Senhor do Bomfim. “Mesmo passando por dificuldades, não paramos. Continuamos construindo casas, continuamos pagando Bolsa Família e hoje entregamos a linha 1 do metrô de Salvador”, declarou.

A presidenta Dilma Rousseff disse, nesta terça-feira (22/12/2015), que, mesmo enfrentando dificuldades, o Brasil não parou e o governo continua trabalhando, construindo e entregando obras, além de manter os programas sociais do País. As afirmações foram feitas durante a entrega de 7.555 moradias do programa Minha Casa Minha Vida em Camaçari (BA), com entregas simultâneas em Simões Filho (BA), Juazeiro (BA), Brasília (DF), Campo Grande (MS), Ponta Grossa (PR) e em Santa Cruz do Sul (RS).

“É verdade que o País passa por dificuldades. Mas é verdade também que, mesmo passando por dificuldades, não paramos. Continuamos construindo casas, continuamos pagando Bolsa Família. Hoje, entregamos a Estação Pirajá e o trecho 1 do metrô de Salvador – que vai de Bom Juá a Pirajá –  e de Lauro de Freitas (BA). E agora a gente vai ampliar a linha 1 até Cajazeiras e estamos construindo a linha 2”, destacou.

E acrescentou que a união de todos os brasileiros é que fará o País superar a atual crise: “Vamos continuar criando emprego, assegurando renda. E vamos lutar todos os dias para vencer essa crise. Conto com vocês, o destemor de vocês diante da luta diária. É com esse destemor que nós, unidos, juntos, iremos superar e vencer a crise”.

Sobre a questão do impeachment, Dilma lembrou que o Brasil é uma democracia forte, com instituições fortes. E que a forma de honrar os 54 milhões de votos obtidos na última eleição é, primeiramente, mantendo programas como o Minha Casa Minha Vida. Depois, tendo a coragem de enfrentar as dificuldades desse momento de crise. E, por fim, jamais deixando de enfrentar “todos aqueles que acham que o melhor jeito de chegar à presidência é atropelando a democracia”.

“Tenho uma biografia e uma vida pública absolutamente sem manchas e tenho meus compromissos com os recursos públicos desse País. Eles continuarão sendo dirigidos para aqueles que mais precisam. Sou presidenta de todos os brasileiros, mas aqueles que mais precisam, aqueles que ao longo da nossa historia, não tiveram voz e nem vez, no que depender de mim, terão voz e vez”, concluiu.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br