Deputado amplia debates sobre reforma agrária durante evento do MST na Chapada Diamantina

Encontro do MST reúne lideranças políticas da região e da Bahia.

Encontro do MST reúne lideranças políticas da região e da Bahia.

O final de semana foi de avaliação, diagnóstico e planejamento para as centenas de acampados e assentados de reforma agrária da região da Chapada Diamantina durante o 20º Encontro Regional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). O evento aconteceu da sexta ao domingo (18,19 e 20 de dezembro), na quadra coberta do Centro de Educação Profissional Piemonte do Paraguaçu (Cetep), localizado no município de Itaberaba, e teve o objetivo de preparar a militância sem terra para o 28º Encontro Estadual do movimento. O encontro estadual, que será entre os dias 10 e 13 de janeiro, no Parque de Exposição, em Salvador, deve mobilizar os trabalhadores assentados e acampados para dar continuidade ao processo de formação e construção coletiva das lutas em defesa da reforma agrária na Bahia.

Durante o evento em Itaberaba, os militantes sem terras receberam a visita do deputado federal, Valmir Assunção (PT-BA), e da secretária estadual de Promoção da Igualdade Racial, Vera Lúcia Barbosa, que ampliaram os debates envolvendo políticas públicas para povos e comunidades tradicionais, além de programas e ações envolvendo linhas de créditos para agricultura familiar. A presença de Assunção marcou o sábado (19) e a da secretária, o domingo (20), e contou também com a participação de lideranças políticas e representantes de órgãos públicos da gestão do governador Rui Costa.

O líder do MST na Bahia, o petista Valmir Assunção disse que o momento é de debate, principalmente envolvendo ações que possam ampliar a reforma agrária. “Não há espaço melhor para discutir reforma agrária do que nos encontros do MST. Precisamos conversar com nosso povo sobre a conjuntura política, sobre a crise que querem propagar em nosso país, para fortalecer o povo e os movimentos sociais para enfrentarem este momento político, evitando assim problemas econômicos em 2016, já que 2015 foi um ano perdido, do ponto de vista da economia”, diz o parlamentar ao lado dos prefeitos de Iramaia e Boa Vista do Tupim, Antônio Rodrigues Caíres (Dodinha) e João Durval Passos Trabuco (Gidu do PT), respectivamente.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br