Cachoeira: professor Nilson Weisheimer promove debate sobre impasses e oportunidades para um projeto desenvolvimento nacional; cientista social Carlos Augusto é um dos palestrantes

Dr. Nilson Weisheimer e Me. Carlos Augusto participam de debate com o tema ‘Um novo projeto nacional de desenvolvimento é possível? Impasses e oportunidades’.

Dr. Nilson Weisheimer e Me. Carlos Augusto participam de debate com o tema ‘Um novo projeto nacional de desenvolvimento é possível? Impasses e oportunidades’.

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) promove mesa de debate com o tema ‘Um novo projeto nacional de desenvolvimento é possível? Impasses e oportunidades’. O evento ocorre na quarta-feira (2 de dezembro de 2015), das 14 às 17:30 horas, no Auditório do Centro de Artes Humanidades e Letras (CAHL) – Pavilhão de Leite Alves, em Cachoeira.

O debate ‘Um novo projeto nacional de desenvolvimento é possível? Impasses e oportunidades’ é coordenado pelo Dr. Nilson Weisheimer (Professor do PPGCS da UFRB). Na condição de palestrante foram convidados Dr. Antonio Eduardo Alves de Oliveira, professor de Ciência política da UFRB; Dr. Uallace Moreira Lima, professor da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal da Bahia (FCE/UFBA); Me. Carlos Augusto Oliveira da Silva, cientista social e jornalista (diretor do Jornal Grande Bahia e membro de grupo de pesquisa da UFRB); Haroldo Borges Rodrigues Lima, ex-deputado federal e ex-diretor da Agência Nacional do Petróleo (ANT), no período de 2003 a 2011. O debate objetiva convergir o conhecimento acadêmico e discussões sobre as dinâmicas socioeconômicas no contexto regional e nacional, com as respetivas conexões com o processo de globalização.

O evento é parte integrante da programação oficial do V Seminário do Programa Pós-Graduação em Ciências Sociais: cultura, desigualdade e desenvolvimento, cujo tema escolhido para 2015 é ‘Tradição e modernidade: identidades, desigualdades e desenvolvimentos’. O V Seminário ocorre entre os dias 2 e 4 de dezembro de 2015, na sede do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais – Prédio da Fundação Hansen Bahia; e na sede do Centro de Artes Humanidades e Letras (CAHL) – Pavilhão Leite Alves, em Cachoeira.

Confira o resumo do perfil acadêmico dos debatedores

Nilson Weisheimer – Doutor em Sociologia (UFRGS). Professor Adjunto do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL/UFRB). Professor Permanente do Programa de Pós Graduaçao em Ciências Sociais (PPGCS/UFRB). Líder dos Grupos de Pesquisas Nucleo de Estudos em Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural (NEAF/UFRB) e do Observatório Social da Juventude (OSJ/UFRB). Vencedor do Prêmio Capes de Teses 2010, com o trabalho “A Situação Juvenil na Agricultura Familiar . Atualmente realiza estágio pós-doutoral no Departamento de Sociologia da Universidade de São Paulo (USP).

Antonio Eduardo Alves de Oliveira – Possui graduação em Ciências Sociais ( concentração em Ciência politica)pela Universidade Federal da Bahia (1995), mestrado em Ciências Sociais – UFBA (2002) e doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (2010), com período de bolsa de cooperação sanduíche em Foundation Nationale Des Sciences Politiques( Sciences PO-Paris) Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Tem experiência na área de Ciência Política.

Carlos Augusto Oliveira da Silva – Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB 2014); é Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF 2010); é membro do grupo de pesquisa Memória, Processos Identitários e Territorialidades no Recôncavo da Bahia (MITO/UFRB), coordenado pela prof. Dra. Ana Paula Comin de Carvalho; também é sócio do Instituto de Pesquisa Social (IPS), entidade presidida pelo prof. Dr. Fernando Pedrão. Atua como diretor e editor do Jornal Grande Bahia.

Haroldo Borges Rodrigues Lima (Haroldo Lima) – Nasceu em 7 de outubro de 1939, no município de Caeteté, Bahia. Formou-se em Engenheiro Elétrico pela Escola Politécnica da Universidade Federal da Bahia – UFBA, em 1963. Militante dos movimentos estudantis: a Juventude Universitária Católica – JUC; dirigente do Diretório Acadêmico dos Estudantes de Engenharia da União do Estudantes da Bahia – UEB, e União Nacional dos Estudantes – UNE.  Funcionário da General Elétrica e COELBA, 1967-1968; trabalhou na lavoura do cacau na região de Itabuna, com a missão de organizar os trabalhadores na clandestinidade; coofundador da Ação Popular – AP, 1961-1963; coordenador da Comissão Nacional Camponesa da Ação Popular, 1969. Foi preso político de 1976-1979. Anistiado em 1979; foi um dos fundadores do PMDB na Bahia.

Ocupou mandatos eletivos como Deputado Federal, 1983-1987, pelo PMDB; Deputado Federal (Constituinte), 1987-1991, pelo PC do B; Deputado Federal, 1991-1995, PC do B; Deputado Federal, 1995-1999, PC do B; Deputado Federal, 1999-2003, PC do B.

Em 2003 foi nomeado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, diretor geral da ANP – Agência Nacional do Petróleo, cargo que ocupou até 2011. Após deixar a ANT, passou a autuar como consultor da petroleira HRT, fundada em 2008 por ex-funcionários da Petrobras.

Uallace Moreira Lima – Doutor em Desenvolvimento Econômico pelo Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (IE/UNICAMP). Mestre em Desenvolvimento Econômico pelo Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (IE/UNICAMP). Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Foi consultor do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Atualmente é Professor Adjunto A, Classe A, Nível 1, em regime de dedicação exclusiva da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal da Bahia (FCE/UFBA) e Pesquisador Visitante do Instituto de Pesquisa em Econômica Aplicada (IPEA). Tem experiência na área de Economia Internacional, História Econômica e Economia Brasileira, com ênfase em estudos sobre o Setor Externo Brasileiro e Coréia do Sul, Desenvolvimento Industrial Brasileiro e da Coréia do Sul.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br