Ganhadeiras de Itapuã participam do 53ª Festival Villa-Lobos no Rio de Janeiro

Ganhadeiras de Itapuã participam de festival.

Ganhadeiras de Itapuã participam de festival.

Pela primeira vez apresentando seu show nos palcos do Rio de Janeiro, As Ganhadeiras de Itapuã é uma das atrações do 53º Festival Villa Lobos. O show, intitulado “Música Sem Fronteiras”, acontecerá no dia 20 de novembro de 2015, no Espaço Tom Jobim, situado no Jardim Botânico, e contará com a participação de Larissa Luz e abertura do grupo Razões Africanas. Os ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia).

No repertório preparado exclusivamente para esse show, as Ganhadeiras farão pela primeira vez a música “Trenzinho do Caipira”, clássica canção de Villa-Lobos. “Temos esse diferencial de fazer sempre uma ponte entre a história do samba de roda e da música popular brasileira”, conta Amadeu Alves, diretor musical do grupo. Também durante a apresentação, Larissa Luz dividirá o palco com As Ganhadeiras em três músicas: “Maré Mansa”, canção do último álbum lançado das Ganhadeiras; “É D’Oxum” e “Território Conquistado”, canção gravada por Larissa Luz.

Em tempo…

Recentemente, As Ganhadeiras de Itapuã foram indicadas a três categorias da 26ª edição do Prêmio da Música Brasileira e levaram para casa duas estatuetas: a de Melhor Álbum e a de Melhor Grupo Regional.

Sobre o Festival

Desde sua criação, em 1961, os Festivais promovem a obra de Villa-Lobos e de outros compositores brasileiros através de concertos de música sinfônica e de câmera, recitais e espetáculos de música popular e de dança. Uma mistura coerente com a personalidade aberta e o perfil artístico diverso do compositor e com os ideais desse grande brasileiro, que sempre se manteve atento às coisas de sua terra e à sua divulgação, onde quer que estivesse.

Em 2015, o Festival é dedicado a Hermeto Pascoal, um dos mais incríveis compositores e instrumentistas da história da música mundial que, além de estar presente na programação com sua banda, terá sua música apresentada ao longo de toda a programação por vários solistas e grupos, herdeiros do que o próprio Hermeto chamou de “música universal”.

Com mais de 70 atrações espalhadas pela cidade do Rio de Janeiro, é o único evento realizado na cidade que atende prioritariamente aos segmentos da música brasileira de concerto e popular, dando espaço a intérpretes, solistas e compositores, e incentivando a formação de novas plateias e a multiplicação do saber focado na cultura brasileira.

Agenda

Atrações: Razões Africanas + Ganhadeiras de Itapuã e Larissa Luz (convidada)

Onde: Espaço Tom Jobim | Rio de janeiro

Horário: 20h30

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br