Deputado Carlos Geilson se solidariza com família de policial morta em Salvador

Deputado Carlos Geilson critica silêncio de movimentos sociais sobre o caso.

Deputado Carlos Geilson critica silêncio de movimentos sociais sobre o caso.

Durante sessão na Assembleia Legislativa da Bahia nesta terça-feira (17/11/2015), o deputado estadual Carlos Geilson (PSDB) prestou solidariedade aos familiares da policial militar Dulcineide Bernadete de Souza. Ela morreu na segunda-feira (16), após ser baleada na cabeça em um assalto a um posto de saúde no bairro de Pituaçu, em Salvador, onde trabalhava.

“Me solidarizo com os familiares da policial Dulcineide Souza e policiais militares da Bahia, que enfrentam a violência em um estado onde os investimentos não são satisfatórios para a devida proteção da sociedade. Lamento a morte dessa guerreira e desejo que a corporação se una cada vez mais. Ontem foi Dulcinceide. Já que os bandidos estão bem armados ou até mais armados que os policiais, amanhã quem será?”, questiona o deputado.

Geilson ainda criticou a inatividade dos movimentos sociais e instituições públicas diante do caso. “Quando os bandidos resistem e tombam em confronto com a polícia, há uma repercussão impressionante pelo Brasil. Muitos se levantam contra a corporação. Até agora não vi as ONGs e movimentos sociais em defesa dos negros se manifestarem, uma vez que Dulcineide Souza era negra. Não vi o Coletivo de Mulheres e a Comissão de Direitos Humanos desta Casa se solidarizarem com a família da policial morta enquanto prestava um importante serviço à sociedade. Vivemos uma inversão de valores”, conclui o parlamentar.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br