Delegação ucraniana visita o Congresso Nacional

Delegação ucraniana visita o Congresso Nacional.

Delegação ucraniana visita o Congresso Nacional.

Uma comitiva de parlamentares e representantes de empresas estatais ucranianas, acompanhada pelo embaixador da Ucrânia no Brasil, Rostyslav Tronenko, esteve nesta terça-feira (17/11/2015) no Congresso Nacional. A delegação foi recebida pelo Procurador Parlamentar da Câmara e presidente do Grupo de Amizade Brasil – Ucrânia, deputado Claudio Cajado (DEM-BA), pelo 2° vice-presidente da casa, deputado Fernando Giacobo (PR-PR), pelo Senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) e pela presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CREDN), deputada Jô Moraes (PCdoB – MG).

A delegação veio ao Brasil para fortalecer os laços diplomáticos com o Congresso brasileiro. Nos encontros, foram discutidas questões comerciais e diplomáticas entre os dois países, parcerias firmadas entre as duas Nações e novas cooperações nas áreas de tecnologia e agronegócio. O parlamentar Viktor Romaniuk, que preside o Grupo de Amizade Brasil – Ucrânia no Congresso ucraniano, lembrou a parceria que possui com o programa de intercâmbio universitário Ciências Sem Fronteiras. Segundo Romaniuk, a Ucrânia é um dos poucos países parceiros do Brasil no projeto que permite estudantes brasileiros trabalhar nas empresas do país parceiro.

Romaniuk também lembrou a parceria com a Fiocruz que permitiu a produção e venda de insulina no Brasil. O parlamentar ucraniano acredita que o Brasil também seja um grande parceiro no campo tecnológico, em áreas como aviação espacial e segurança cibernética.

O presidente do Grupo de Amizade Brasil – Ucrânia, deputado Claudio Cajado, deixou aberto o diálogo para futuras parcerias no campo do agronegócio. E ressaltou que a Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) na Câmara é forte e reúne mais de 300 parlamentares.

Para Claudio Cajado, o encontro foi importante para a troca da agenda política e econômica dos dois países. “E também para que o parlamento brasileiro continue dialogando sobre assuntos, como a troca de tecnologia entre Ucrânia e Brasil”, acrescentou.

Brasileiros ilegais – Viktor Romaniuk também pediu apoio dos parlamentares para evitar que mais brasileiros se aliem a terroristas contrários à Ucrânia. Segundo ele, jovens brasileiros têm viajado à Rússia, movidos pela “máquina de propaganda russa”, para serem treinados para apoiar grupos separatistas na Ucrânia. O procurador Claudio Cajado (DEM-BA) disse que vai discutir o caso no GPA.

A comitiva ucraniana também foi recebida por representantes dos Ministérios da Educação (MEC), de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), e da Defesa. A delegação ucraniana cumpre compromissos oficiais no país até o próximo domingo (29/11).

Outras publicações

Telebras faz consulta pública sobre editais do Plano Nacional de Banda Larga Brasília - A Telebras disponibilizou ontem (30/09/2010) para consulta pública na internet as especificações técnicas dos equipamentos, softwares e ser...
Terceirização é a maior derrota da classe trabalhadora depois do golpe de 1964, critica deputado Marcelino Galo Deputado Marcelino Galo critica proposta do Congresso Nacional que retira direitos trabalhistas. Durante audiência pública realizada pela Câmara de ...
Cinco parques eólicos serão construídos na Bahia e no Rio Grande do Norte Cinco parques eólicos serão construídos na Bahia e no Rio Grande do Norte, com capacidade para gerar 150 megawatts (MW). O anúncio foi feito hoje (11/...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br