Scania oferece linha completa de ônibus para a mobilidade urbana eficiente

Sistema de transporte público tipo BRT.

Sistema de transporte público tipo BRT

Sistema de transporte público tipo BRT.

Sistema de transporte público tipo BRT.

Modelos são reconhecidos pela economia de combustível, disponibilidade e baixo custo de manutenção; opções vão de 270 a 360cv, e de motores a etanol ou biometano/GNV. A Scania dispõe das melhores soluções para o transporte público com um amplo portfólio de alta rentabilidade, que atende de forma customizada às necessidades dos clientes de ônibus que atuam em linhas urbanas com produtos padron, articulados e agora biarticulados.

A gama Scania para a mobilidade urbana eficiente tem modelos a partir de 12,5 até 28 metros de comprimento, e com capacidade para transporte de 86 a 270 passageiros. O novo produto da marca, o ônibus biarticulado F 360 8×2, amplia o mix e chega para atuar no transporte de grande quantidade de pessoas. Ele mede 28 metros e leva 270 passageiros.

A linha Scania oferece veículos que podem operar em diversas fases de um sistema organizado de transporte, desde os indicados como alimentadores – ou seja, buscam os passageiros nas regiões periféricas e trazem até os corredores exclusivos de ônibus ou outros modais como metrô e trem – até o trabalho nas linhas troncais, com articulados e biarticulados, que atuam dentro de corredores e levam grande quantidade de pessoas para agilizar o transporte e diminuir o número de viagens.   

“Para contribuir com uma mobilidade urbana eficiente oferecemos uma variável quantidade de modelos, que podem receber diversas configurações de tamanho, tração, capacidade de carga, motor e tecnologias de segurança. Nossos chassis são reconhecidos pela economia de combustível, disponibilidade e pelo baixo custo de manutenção”, afirma Celso Mendonça, gerente de Desenvolvimento de Novos Negócios da Scania no Brasil. “Temos também opções para o transporte sustentável com o motor a etanol, que oferece 90% menos emissões do que o diesel, e já aceitamos encomendas do propulsor ciclo Otto movido a biometano/GNV.”

Produtos para atender as linhas alimentadoras

A linha Scania para a mobilidade urbana possui modelos que se encaixam no serviço como alimentadores dos sistemas organizados de transporte e são adequados para as regiões metropolitanas, tanto na periferia quanto nas áreas centrais. A linha Scania permite receber carrocerias de 12,5 a 13 metros de comprimento, que levam de 86 a 100 passageiros, com capacidade de carga de 19,5 toneladas; e também comporta carrocerias de 13,4 a 15 metros de comprimento (capazes de transportar de 115 a 130 passageiros) e capacidade de carga de até 19,5 toneladas (versão 4×2) e 25t (na configuração de rodas 6×2). Os veículos saem de fábrica com sistema de freio ABS+EBS, que aumenta o poder de frenagem.

A caixa de câmbio automática de alta performance propicia maior conforto e produtividade para o motorista. Ela gera mais economia de combustível nas paradas de trânsito com o desengate automático das marchas. O design do chassi foi desenvolvido para a instalação de portas de até 1.100mm, para melhor fluxo de passageiros nos sistemas BRT. Para essa categoria, o cliente já pode encomendar os modelos K 280 ou K 320 IB/UB, ambos com opções de piso normal ou baixo, equipados com motor a gás veicular natural (GNV/biometano), de 15 metros e capacidade para 130 ocupantes.

K 310 IB/UB 4×2 ou 6×2 – piso normal ou baixo

O motor do K 310 gera 310 cavalos, e o alto torque (1.550 Nm), já em baixas rotações, possibilita excelentes resultados operacionais pela robustez do conjunto e menor consumo de combustível. Na opção de 15 metros com piso baixo, facilita o embarque dos passageiros.

K 270 4×2 ou 6×2 – piso baixo

Recebe motor movido a etanol de 270cv, que desenvolve torque de 1.200Nm.

O encarroçamento com 15 metros de comprimento é uma exclusividade da Scania. O chassi de 15 metros dispõe de terceiro eixo direcional que possibilita maior grau de manobrabilidade, especialmente em cidades com ruas estreitas e pouco espaço para realizar curvas normais ou acentuadas. O diferencial está no eixo de apoio que gira para o lado oposto do eixo das rodas dianteiras. Comparado a um ônibus sem o eixo direcional, a redução do raio de giro chega a 10%. Ele ainda oferece capacidade de transporte muito próxima à do veículo articulado de 18m, o que garante maior rentabilidade, economia de combustível e de pneus.

Articulados

Para aguentar o trabalho nas linhas troncais dentro dos corredores exclusivos é preciso que o ônibus tenha um chassi muito robusto, mas também seja econômico. A Scania oferece os veículos ideais com suspensão eletrônica pré-ajustável, que facilita a adequação às plataformas, e sistema de articulação seguro com monitoração.

O articulado indicado é o K 310 nas versões 6×2 ou 8×2. O design do chassi aceita a instalação de portas de até 1.100mm. Para essa categoria, o cliente também já pode encomendar o modelo K 320 IB/UB equipado com motor a gás veicular natural (GNV/biometano), de 18 metros e capacidade para 160 ocupantes.

K 310 IB/UB 6×2 ou 8×2 – piso baixo ou normal

Recebe motor de 310 cavalos e desenvolve torque de 1.550Nm. Sua distância entre eixos de 3.000mm comporta carrocerias de 18 a 21 metros com capacidade de carga de 29,7 a 34,5t, que possibilitam carregar de 160 a 185 passageiros.

Está equipado com câmbio automático, sistema de freio ABS+EBS, controle de tração, sistema de “ajoelhamento” e freio auxiliar incorporado. O modelo tem a suspensão mais reforçada por causa do maior comprimento e da maior quantidade de passageiros que pode comportar, ainda que trafegue preferencialmente em corredores e vias arteriais.

Biarticulado

Novidade da Scania, o modelo F 360 HA, piso normal, tem motor frontal de 360cv de grande porte (mas de baixa rotação) e desenvolve torque de 1.850 Nm (o maior da categoria) já em baixas rotações para economizar combustível. O biarticulado F 360 HA recebe caixa automática e suspensão a ar com quatro bolsões nos eixos traseiros. A composição tem a configuração 8×2 de 43,5t de capacidade de carga, que permite levar 270 passageiros ao longo de seus 28 metros de comprimento.

Outras publicações

Conferência “A Convergência das Crises” abre o Fórum Social Mundial da Bahia O Fórum Social Mundial Temático Bahia (FSMT-BA), que acontece até domingo em Salvador, recebe também autoridades locais e nacionais. Nesta sexta-feira...
GE planeja criar no Brasil seu primeiro centro de tecnologia da América Latina Brasília - A General Electric anunciou que planeja montar um centro de tecnologia no Brasil. Será o quinto da empresa, os anteriores funcionam na Alem...
Câmara aprova voto de pesar pela morte de Lady Laura, da mãe de Roberto Carlos A Câmara dos Deputados aprovou hoje (19/04/2010), simbolicamente, dois projetos de decreto legislativo sobre acordos internacionais e duas moções de a...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br