Reitor da Uefs apresenta situação da instituição na Câmara Municipal de Feira de Santana

Evandro Nascimento Silva, reitor da Uefs.

Evandro Nascimento Silva, reitor da Uefs.

Buscando esclarecer a real situação que passa a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), o reitor da instituição Evandro Nascimento Silva esteve na Câmara de Feira de Santana, na manhã desta quarta-feira (21/10/2015), onde fez uso da tribuna livre e apresentou dados de avanço da Uefs durante o ano de 2007 e 2015.

“Agradeço a oportunidade, estou aqui para expor a importância que a Universidade tem para a região de Feira de Santana e o momento que estamos passando. A Uefs é uma semente que há 39 anos foi plantada nesta cidade e tem dado grande contribuição. Hoje, oferece 31 cursos, atendendo cerca de 8600 alunos de graduação e 1200 na pós-graduação. Temos ainda programas de pesquisa, que objetiva entregar à sociedade uma série de conhecimentos que ajudam no desenvolvimento do Município”, disse Evandro Nascimento.

O reitor apresentou slides que demonstram as ações e avanços da Universidade entre os anos de 2007 e 2015. Segundo a apresentação, houve um crescimento de 87% nas pesquisas; 213% nos projetos e programas de extensão; 1700% nas ações de extensão (projetos, programas, cursos e eventos); 25% nas ações de arte e cultura; 5850% no número de alunos que estão fazendo intercâmbios.

“Estes são dados que mostram a tendência de crescimento da Universidade, porém isso requer um financiamento adequado. Tivemos uma evolução no orçamento com o pessoal, que foi beneficiado com plano de carreira, o que acho justo, porque temos doutores que contribuem muito para os alunos, mas não tivemos o mesmo crescimento com o financiamento para custeio e investimento. O orçamento foi reduzido”, relatou.

Ele continuou apresentando a real situação da Uefs e aproveitou para pedir ajuda dos vereadores para que não haja mais cortes no orçamento da instituição. “80% do orçamento é destinado à despesa com pessoal e o restante é distribuído entre atividades e manutenção, atividades finalísticas, projetos acadêmicos, obras e reparações. Apelo ao Governo do Estado que se sensibilize com esta situação e não permita que os contratos sejam cessados. É possível que esta Casa possa contribuir com esse processo. E deixou claro de que a Uefs age com transparência e está disposta a esclarecer dúvidas”, finalizou o reitor.

Outras publicações

Torre a ser instalada na serra de São José levará sinal da Internet para sete distritos de Feira Na manhã desta quarta-feira (10/02/2010), técnicos de informática e de eletrônica, acompanhados por soldados do 35º Batalhão de Infantaria, fizeram a ...
Governo da Bahia anuncia licitação para recuperação da estrada que liga o distrito de Bonfim de Feira a estada do Feijão Governador Rui Costa autoriza pavimentação de rodovia. Foi publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (02/09/2016) a abertura de licitação para c...
Feira de Santana: 1º Leilão Princesa Embryo reúne criadores da elite do Nelore PO e será transmitido pelo Canal Rural Capa do catálogo do 1º leilão Princesa Embryo. A imagem da Avenida Presidente Dutra com o Monumento ao Caminhoneiro, realizada em Feira de Santana, f...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br