ALBA realiza sessão pelo ‘Dia Internacional do Idoso’

Deputado José de Arimatéia participa da Sessão Especial em celebração ao Dia Internacional do Idoso.

Deputado José de Arimatéia participa da Sessão Especial em celebração ao Dia Internacional do Idoso.

Mais de 200 pessoas participaram na manhã desta quinta-feira (1º/10/2015) de uma Sessão Especial em celebração ao Dia Internacional do Idoso, no Plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). A cerimônia foi proposta pelo deputado estadual José de Arimateia (PRB), defensor dos direitos da terceira idade que, desde o seu primeiro mandato, realiza a cerimônia em favor dos idosos que, atualmente, são 400 mil, em meio a um milhão de aposentados na Bahia.

O proponente da Sessão Especial destacou a importância da regulamentação da Política Estadual do Idoso, aprovada na Casa Legislativa no ano de 2013, ressaltou o problema da falta de centros de convivência na Bahia e, por fim, mostrou a necessidade de mais delegacias de proteção ao idoso em Salvador e nos municípios baianos. “As questões partidárias devem ficar de lado, porque temos que lutar pelos direitos dos idosos, pois muitos nesse momento estão jogados e sofrendo”, opinou Arimateia, pedindo a sensibilidade do Governo do Estado para a aprovação também da Indicação 18.698/2011, de sua autoria, que prevê a criação do Instituto do Idoso, com o objetivo de promover a integração da população da terceira idade.

A bandeira de defesa ao idoso já acompanha o parlamentar desde o seu primeiro mandato na Casa (1999-2003), quando propôs a criação de uma delegacia específica para as pessoas da terceira idade, que iniciou as atividades em 2006.

Num discurso emocionado, a professora da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutora pela Universidade de São Paulo (USP), além de pesquisadora na área do cuidado em Saúde de pessoas idosas, Maria do Rosário de Menezes, informou que em 2050 haverá quase 10 bilhões de pessoas em âmbito mundial, sendo dois bilhões da terceira idade. “Diante da real situação, pergunto: quem cuidará dessas pessoas?”, questionou.

Compondo a mesa da cerimônia, o médico geriatra Lucas Prado fez um panorama da saúde do idoso e pontuou as principais doenças que os acometem, especialmente o Alzheimer, que afeta 44 milhões de pessoas no mundo. O profissional de saúde falou do sedentarismo como um grande entrave na vida e alertou sobre a mentalidade preventiva à doença ainda na juventude. “Existem muitos jovens sedentários. É necessário focar em envelhecer com qualidade de vida, atuar na prevenção de doenças”, disse o geriatra.

Durante a sessão, foi apresentado um vídeo, que trouxe a reflexão em torno da atual situação das pessoas da terceira idade da Bahia e a apresentação do grupo de karatê e do coral do grupo Calebe, da Igreja Universal do Reino de Deus, ambos formados por idosas.

Também participaram da cerimônia o presidente da Associação dos Pensionistas e Aposentados da Previdência Social da Bahia (ASAPREV), Marcos Barroso, a Coordenadora do Projeto Mulheres em Ação, Rogéria Santos, a Delegada da Delegacia Especial de Atendimento ao Idoso (DEATI), Laura Argolo, a presidente do Conselho Municipal do Idoso de Feira de Santana, Cacilda Miranda da Silva, dentre outras autoridades e ativistas voltados ao segmento.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br