Acusado de desvio de verbas da Educação do Município de Salvador, secretário Alexandre Pauperio pede demissão do governo ACM Neto

Alexandre Paupério e ACM Neto. Gestão de Paupério é acusada de desviar R$ 40 milhões.

Alexandre Paupério e ACM Neto. Gestão de Paupério é acusada de desviar R$ 40 milhões.

Alexandre Tocchetto Pauperio, secretário municipal de Gestão da Prefeitura de Salvador (Semge), apresentou pedido de exoneração, em caráter definitivo, ao prefeito Antônio Carlos Magalhães (ACM Neto) na quarta-feira (30/09/2015).

O pedido de demissão ocorreu após o requerimento, por parte do Ministério Público do Estado da Bahia (MPBA), de decretação de indisponibilidade dos bens do secretário Pauperio e do ex-secretário de Educação, João Carlos Bacelar (PTN). O pedido foi concedido através de decisão liminar publicada na quarta-feira pelo juiz Benedito da Conceição dos Anjos, da 7ª Vara da Fazenda Pública de Salvador.

Na ação proposta pelo MPBA, Pauperio é acusado de ser lobista no esquema de corrupção, em que atuaram de forma associada João Carlos Bacelar (PTN), Carlos Soares e outras 11 pessoas. Segundo o MPBA, a organização desviou R$ 39,4 milhões na Secretaria Municipal de Educação de Salvador, entre os anos de 2009 e 2012. Além dos envolvidos, o juiz determinou, também, bloqueio dos bens da Fundação Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (FEA/UFBA).

A ação foi impetrada no dia 9 de setembro e motivada por irregularidades em contratos para terceirização de mão-de-obra na rede de ensino municipal e aquisição de materiais sem licitação. Segundo o MPBA, durante o período em que o vigorou o contrato, entre a FEA e a Prefeitura de Salvador, foram repassados R$ 123.711.824,00.

Comunicados

De acordo com nota divulgada pela prefeitura, Pauperio agradeceu a todos pelo apoio durante esse período de valioso aprendizado, e, especialmente, ao prefeito pela confiança e oportunidade. Ele informou também que vai se dedicar mais à família e retomar os estudos na área de administração.

Ainda de acordo com a nota, o ex-secretário ressalta que foi uma honra participar da gestão e acredita que teve contribuição importante no período nas funções de gestão de pessoas, orçamento, tecnologia, modernização, compras, patrimônio e previdência, todas sob a responsabilidade da Semge.

Em comunicado, o prefeito ACM Neto agradeceu a dedicação do secretário. “Em dois anos e nove meses conosco, Alexandre fez um excelente trabalho, ajudando a modernizar a Prefeitura. Se hoje temos uma gestão equilibrada e com recursos em caixa para fazer obras e atender aos anseios da população, devemos muito à atuação de Pauperio”, afirmou. O prefeito também desejou a Alexandre Pauperio boa sorte em sua nova trajetória.

*Com informações do Jornal A Tarde e Bahia Notícias.

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.