Presidente da Câmara de Cruz das Almas comenta renúncia do prefeito

Convite da posse do prefeito de Cruz das Almas, Ednaldo Ribeiro.

Convite da posse do prefeito de Cruz das Almas, Ednaldo Ribeiro.

Durante a 7ª sessão ordinária do segundo período legislativo que aconteceu nesta quarta-feira (09/09/2015), o presidente da Câmara de Vereadores de Cruz das Almas, Edson Ribeiro, usou o grande expediente para falar a respeito da renúncia do prefeito Raimundo Jean Cavalcante Silva e sobre consequente substituição pelo atual vice-prefeito Ednaldo Ribeiro.

Ainda na noite de ontem, após a leitura da carta de renúncia, o presidente declarou vago o cargo de prefeito municipal de Cruz das Almas e solicitou da secretaria da Casa que oficiasse Ednaldo Ribeiro, vice-prefeito municipal, para apresentar a Câmara de Vereadores o diploma de vice-prefeito e sua declaração de bens atual.

Na oportunidade, Edson Ribeiro, convocou a sessão solene de posse para o cargo de prefeito do município de Cruz das Almas, nos termos dos artigos 69 e 70 da Lei Orgânica Municipal, que acontecerá hoje (10), às 19h30, no Plenário da Câmara de Vereadores.

Confira a íntegra do pronunciamento do vereador Edson Ribeiro

Hoje às 16 horas, nós fomos convocados, digo convocados porque as pessoas que fazem política e que aceitam as determinações de um grupo político podem falar com vontade.

Neste momento, eu queria dizer a Cruz das Almas que, como presidente do Legislativo desta cidade, que nos traz a função de presidente, com as Leis do Município e da Constituição Federal, o prefeito de Cruz das Almas, Dr. Raimundo Jean nos deixa uma carta dizendo que, tendo em vista os motivos orientados por seu médico, ele deixa o governo municipal, renuncia o governo municipal e na oportunidade ele, e o que manda a Constituição Federal, deixa o governo para o seu vice-prefeito Ednaldo Ribeiro.

Para os senhores vereadores, para o público que se encontra presente, quero dizer que para nós, enquanto políticos e na minha função de presidente e que fui vice-prefeito por 8 anos aliado ao prefeito Dr. Jean, é claro e evidente que me deixa um pouco triste porque ele, segundo seu médico, alega condições de saúde. O que nós podemos fazer? Pedir a Deus que ajude ele e que possa ter a sua recuperação e que dê a ele a saúde e a paz.

Mas eu queria dizer aos nobres colegas que este é um momento diferente e ímpar em Cruz das Almas, é um momento em que nós nunca vivenciamos isto, mas estamos vivenciando hoje na história de Cruz das Almas. Depois do entendimento do prefeito Raimundo Jean e do vice-prefeito Ednaldo Ribeiro ele deixa uma carta de renúncia que será lida pelo 1º secretário posteriormente, onde ele diz que tem saudade de sua função, mas deixa o poder para que o vice-prefeito possa assumir.

Eu quero dizer aqui que o prefeito Jean deixou um grande legado em Cruz das Almas. Um Prefeito que fez transformações, que nos ajudou a trazer, junto com o senador ACM, vários benefícios para Cruz das Almas, podendo citar o Hospital Municipal IPER, a Bibi, o Ginásio de Esportes, milhares e milhares de calçamentos, falar da nossa luta para trazer a Universidade Federal de Cruz das Almas, podemos citar grandes projetos de construções e eletrificação rural e hoje ele deixa o poder e nós não sabemos se um dia ele terá condições de voltar.

Mas eu quero deixar claro que ele deixa um grupo político. Nós temos as nossas diferenças políticas, mas não podemos deixar de reconhecer o seu trabalho e o seu legado na cidade. Ele deixa muitos amigos, deixa a sua condição de prefeito, de líder dessa cidade, mas quero dizer aos colegas vereadores que ele tem o seu momento duro, tem o seu momento de homem administrador e que as vezes não aceita as coisas que as pessoas ou a população precisa ouvir, mas ele deixa um legado de homem amigo. Se você precisar ele vai na sua casa como médico, se você precisar ele ajuda você a voltar a vida, ajuda uma vida.  Eu quero deixar isso claro porque não sou ingrato.

Fui vice-prefeito e fui secretário por oito anos e todas as minhas ações como secretário nunca foram questionadas, todo o meu gabinete teve autonomia e sempre fiz o melhor por Cruz das Almas e ele nunca questionou, tanto é verdade que o vice-prefeito, Ednaldo Ribeiro, teve ações nesse município que ele nunca questionou, como o São João, uma das melhores festas da Bahia, ações que ajudaram o governo e ajudaram também muitas e muitas famílias e por isso hoje em sua renúncia ele deixou bem claro: “ tenho certeza que o município estará bem conduzido nas mãos de Ednaldo Ribeiro.”

Por isso eu quero neste momento dizer a Cruz das Almas, com um coração limpo, um coração voltado para a população, que meu sonho era que essa cidade pudesse ser transformada, que essa cidade tivesse muitas e muitas melhorias.

Desde 84 eu faço política, ainda quando era embrapiano. Naquela oportunidade me filiava ao PMDB de Alino Matta Santana e fui vereador pelo partido e hoje eu quero dizer aos senhores que nós estamos neste momento realizando um sonho, um sonho de 84 e 86, quando nós votamos em Waldir Pires e eu fiz campanha e em 88 me elegi vereador pela primeira vez e aqui desta Casa e da tribuna, que era ali ao lado, nós fazíamos vários discursos com o saudoso Luciano Passos, que quando terminou seu mandato retirou a gravata e naquela oportunidade disse: “ Essa gravata foi de meu pai que foi prefeito por duas vezes e estou lhe dando ela porque tenho certeza que, pela sua seriedade, pelo homem íntegro que você é, pelo modo como você conduziu a presidência dessa casa, vocês terão a oportunidade de assumir o destino deste município.” Eu tenho certeza que hoje minha mãe e meu pai estão lá nos pés de Jesus Cristo agradecendo e rogando a Ele.

Para os que não tinham nenhuma certeza, tinham dúvidas, hoje, aos que diziam nos recantos de Cruz das Almas que “os Ribeiros não assumiriam nunca o destino de Cruz das Almas”, hoje tem o primeiro prefeito de Cruz das Almas filho da terra e da família Ribeiro. Estou dizendo isso com o coração cheio de flores, de alegria e de amor por esta terra que eu tenho certeza que muitas e muitas transformações acontecerão em Cruz das Almas. Por isto quero dizer que farei amanhã na nossa sessão um discurso diferente para o nosso povo.

Hoje não posso falar mais, porque se os senhores me perguntarem eu não sou demagogo. Tenho e sinto saudade dos momentos em que nós administramos juntos com Dr. Raimundo Jean. Não podemos negar isso e será ingrato e ficará gravado na história de Cruz das Almas aqueles que dividiram com ele os seu momentos e que não reconhecerem isso. Tenho minhas divergências, mas ele não foi ingrato o tempo todo, ele fez por esta terra. Ele disse aqui, são mais de mil funcionários que estão na Bibi, ele teve uma história como outros não tiveram, mas aqui será ingrato quem renegar a história de que ele não fez por Cruz das Almas, ele tem muitos feitos.

É claro e evidente que quem administra tem muitos inimigos, vereador tem inimigo político, mas ele deixou o seu legado na história de Cruz das Almas, não podemos negar isso.

Ainda quero dizer aos senhores que nós temos a obrigação amanhã de empossar o novo prefeito de Cruz das Almas, Ednaldo Ribeiro, que comandará os destinos desta terra por um ano e alguns meses e Deus sabe o destino dele.

Ele é um homem íntegro de respeito e de valor. Quero dizer isso não só porque é meu irmão, mas a cidade reconhece, quem conhece ele sabe, quem conversa com ele fica encantado pela sua maneira de tratar as pessoas e vejo que Deus escreveu certo no momento certo e Ednaldo passará para a história de Cruz das Almas como o primeiro prefeito filho da terra e ninguém poderá apagar esta história. Um filho da terra, da zona rural.

Eu disse hoje, há poucos instantes ao vereador Mário do Jornal sobre as nossas origens, nós que nascemos pertinho e que lutamos para chegar aonde chegamos e que lutamos para que essa cidade pudesse ter uma história escrita em todos os recantos desse país e hoje a tarde nossos telefones não pararam, tanto o meu quanto o de Ednaldo, os familiares e pessoas estão alegres pelo que aconteceu, mas alegre pela vitória que Cruz das Almas neste momento passará a escrever nos livros de Alino Matta Santana e tantos outros sobre o prefeito filho da terra.

E por isso estou hoje dizendo aos senhores da minha alegria, da satisfação de ter um irmão prefeito e eu tenho certeza que ele é um grande amigo, um grande parceiro de todas as horas. Você chega triste, chateado, enraivado com muitas e muitas coisas, ele calado vence a gente e diz “se acalma que tudo vai se resolver” e os colegas sabem disso. Homem que não aceita em nenhum momento desfazer nas pessoas, por isso eu quero deixar registrado esse discurso hoje, dizer para os colegas que hoje Cruz das Almas escreve uma nova história, uma história de renúncia.

Nós ficamos muito tristes pelo aliado, pelo amigo e pelo prefeito Raimundo Jean, tenho certeza que continuará vivo e forte no nosso grupo político, mas quem escreve a história é um filho da terra que vai mudar o destino dessa terra, por isso eu quero deixar meu abraço aos amigos, aos vereadores e as pessoas que nos ouviram.

Deus abençoe o nosso município!

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br