Lençóis sedia simpósio nacional de patrimônio geológico

Fachada do Campus da Uefs em Lençóis.

Fachada do Campus da Uefs em Lençóis.

A Universidade Estadual de Feira de Santana  (Uefs) e a Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais, entidade vinculada ao Ministério das Minas e Energia, realizam, de terça a domingo (8 a 13/9/2015), na Chapada Diamantina, o III Simpósio Brasileiro de Patrimônio Geológico (III GeoBRheritage). O evento pretende avançar os debates dos dois Simpósios anteriores, realizados no Rio de Janeiro (2011) e em Ouro Preto (2013).

Com expectativa de público de 500 pessoas, o simpósio irá reunir pesquisadores de diversos países, com o objetivo de trocar experiências. Serão discutidos temas relativos ao patrimônio geológico natural, construído e mineiro, segundo as vertentes da geoconservação, do ensino, da sustentabilidade, de projetos geoturísticos e da recuperação ambiental, bem como da ligação deste tipo de patrimônio com a identidade local.

Conforme a organização do evento, vários autores afirmam que o surgimento da sociedade urbana do interior do Brasil se deve à exploração dos recursos minerais. A quantidade de cidades de formação mineira tombadas como patrimônio brasileiro e mundial reforça esta visão. Na Chapada Diamantina, as cidades de Jacobina, Morro do Chapéu, Rio de Contas, Mucugê, Andaraí, Palmeiras e Lençóis atestam a relevância da mineração na construção da sociedade brasileira dos séculos XVIII e XIX.

Diante disso, e considerando a presença do Campus Avançado da Uefs em seu território, o município de Lençóis foi escolhido como sede do evento. A cidade atrai anualmente um fluxo de cerca de 120 mil turistas. Características como o conjunto arquitetônico, formado por casarios coloniais de características neogóticas e calçamento desenhado em suas ruas e becos estreitos, trouxe o reconhecimento como Patrimônio Histórico Nacional, em 1973.

Outras publicações

Alternativa à rua é a escola e não o trabalho infantil, diz ministra do TST Trabalho infantil deve ser erradicado da sociedade. Nesta terça-feira (12/01/2016) começa a ser veiculado, em rede nacional de rádio e TV, o quarto ...
CIMATEC é referência em educação e tecnologia A excelência no atendimento às demandas da indústria, fez da unidade, modelo para construção de outros centros tecnológicos no Pa... Aluno manipula braço robótico no CIMATEC. A perspectiva de um futuro mais promissor por meio da educação profissionalizante é uma das conquistas cel...
Estudantes têm até 31 de março para se matricular na rede pública estadual Os estudantes que perderam o prazo da matrícula na rede pública estadual para o ano letivo deste ano ganham uma nova chance de garantir a vaga. Até 31...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br