Governo atua no combate a incêndios na Chapada Diamantina e no Oeste

Corpo de Bombeiros da Chapada Diamantina

Corpo de Bombeiros da Chapada Diamantina

Combate a incêndio em Andaraí.

Combate a incêndio em Andaraí.

Combate a incêndio em Andaraí.

Combate a incêndio em Andaraí.

Equipe do Corpo de Bombeiros da Chapada Diamantina.

Equipe do Corpo de Bombeiros da Chapada Diamantina.

As chamas que desde o último dia 11 atingem o Parque Nacional da Chapada Diamantina, que completa 30 anos nesta quinta-feira (17/09/2015), estão controladas em algumas áreas. O trabalho integrado entre Governo do Estado, através do Programa Bahia Sem Fogo, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio – Governo Federal), órgão gestor do parque, brigadistas voluntários e prefeituras municipais conseguiu controlar as chamas em Mucugê. Alguns focos de incêndio ainda permanecem, nesta quinta-feira, no Vale do Capão e na Serra do Garapá, em Andaraí. Até o momento, a extensão do fogo atingiu o equivalente a 4.900 campos de futebol.

Para combater o fogo, o governo enviou 23 bombeiros militares de Salvador e Simões Filho e um helicóptero para fazer o transporte da equipe que atua em locais de difícil acesso, como serras e vales. Participam dos trabalhos ainda 30 brigadistas do ICMBio e 20 voluntários. Dois aviões do ICMBio, que ficam na base de operações no Aeroporto de Lençóis, são acionados sempre que necessário para jogar água nos locais onde as chamas atingem maiores proporções.

Bahia sem fogo

De acordo com a coordenadora de fiscalização preventiva de campo do Bahia Sem Fogo, Fabíola Cotrim, o programa, criado em 2007, atua tanto na capacitação da comunidade para atuar como voluntários, quanto na prevenção, combate e monitoramento do fogo. “É importante esse trabalho de integração entre governos do Estado, Federal e municípios. Dessa forma conseguimos ter um alcance maior e controlar essas chamas que costumam aparecer entre os meses de agosto e setembro. O Bahia Sem Fogo envolve os moradores locais que são essenciais nessa ação e recebem cursos da Secretaria do Meio Ambiente para poder atuar como brigadistas”.

Morador do município de Andaraí, seu Homero Vieira, 59 anos, 30 deles dedicados a apagar focos de incêndio, é um dos brigadistas voluntários mais antigos. “Por conhecer a região, podemos trabalhar durante a noite e madrugada. Esse é o período ideal para atuar porque a radiação diminui e o fogo fica mais baixo”.

Bombeiros atuam desde segunda-feira

O comandante das ações do Corpo de Bombeiros na Chapada, major Carregosa, explica que a atuação na região começou na segunda-feira (14) e não tem prazo para acabar. “Vamos continuar aqui até que todo o trabalho de rescaldo seja finalizado e tivermos a segurança de que os incêndios foram completamente extintos. Algumas áreas são de difícil acesso, mas, somente nesta quinta-feira, debelamos 18 focos de incêndio em Andaraí”.

Defesa Civil entrega equipamentos

Ainda como parte das ações do Estado na Chapada, a Superintendência de Defesa Civil (Sudec) já enviou cerca de 40 kits de proteção individual para os brigadistas, compostos por bomba costal, botas, mochilas, máscaras, cantis, luvas, calças e meiões. De acordo com o superintendente de Proteção e Defesa Civil da Bahia, Rodrigo Hita, o trabalho da Defesa Civil está articulado com outros órgãos. “Trabalhamos em parceria com a Sema, Inema e Bombeiros oferecendo treinamento aos brigadistas e cursos de reciclagem”.

Oeste do Estado

O Programa Bahia Sem Fogo também está presente nos municípios do oeste baiano, que registraram os primeiros focos de incêndio há 15 dias. Estão na região 63 brigadistas, seis técnicos do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) e quatro carros da Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Duas aeronaves do Estado estão programadas para começar a atuar a partir desta sexta-feira (18). No oeste, os focos de incêndio estão concentrados nas cidades de Muquém do São Francisco, Mansidão, Santa Rita de Cássia, Formosa do Rio Preto, Barreiras, Cotegipe e Luís Eduardo Magalhães.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br