Feira de Santana: encontro de líderes empresariais debate situação econômica e superação

O consultor Elton Petterle e o co-fundador da Azul Linhas Aéreas, Mark Neeleman, falaram sobre superação de crise e gestão de pessoas.

O consultor Elton Petterle e o co-fundador da Azul Linhas Aéreas, Mark Neeleman, falaram sobre superação de crise e gestão de pessoas.

Encontro de Líderes Empresariais em Feira de Santana.

Encontro de Líderes Empresariais em Feira de Santana.

Cerca de 200 lideranças empresariais dos setores de comércio, indústria e serviços no município estiveram reunidas na noite de quinta-feira (24/09/2015), para assistir às megapalestras de Elton Petterle e Mark Neeleman, no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana (ACEFS). O Encontro de Líderes Empresariais faz parte da Semana de Capacitação Empresarial, que integra o Movimento Compre do Pequeno Negócio, do Sebrae.

Falando sobre o tema Atitudes Inovadoras Frente à Crise, Elton Petterle abriu a noite. “Muitas vezes a inovação vem na gestão que nunca existiu. Inovar é melhorar o seu negócio, é fazer, pelo menos, o que nunca fizeram”, disse o palestrante. Elton falou também sobre a importância de pensar sempre no cliente que, segundo ele, manda no negócio. “É ele quem sinaliza que gostou ou não do produto ou serviço adquirido. Portanto, é nele que o empresário deve pensar sempre, e não no lucro, mas em quem vai ofertar esse lucro”, afirmou.

No momento mais esperado da noite, a palestra do americano Mark Neeleman, co-fundador da Azul Linhas Aéreas. Ele explicou um pouco sobre sua trajetória profissional e como a Azul se consolidou no mercado. “Nós tínhamos um planejamento. Era apenas uma aeronave e cinco pessoas por traz do projeto que é hoje uma das principais companhias aéreas do país”, disse.

Pela primeira vez em Feira de Santana, o americano explicou que a crise é uma oportunidade de crescer. “A Azul começou no meio de uma crise econômica, em 2008. Se nós tivéssemos medo da crise, com certeza não estaríamos onde estamos hoje. Vimos na crise uma oportunidade de aparecer e crescer”, contou. Mark explicou ainda que o grande mérito da Azul está nas pessoas que fazem parte dela. “Ter uma liderança é importante, é necessário. Mas acreditar na equipe e fortalecer a função de cada um é essencial. E a Azul tem um time de primeira”, explicou.

Segundo Isailton Reis, gerente Regional do Sebrae Feira de Santana, o encontro cumpriu o propósito de alertar sobre as oportunidades de aparecer durante a crise. “Foram dois palestrantes que mostraram porque o empresário não deve ter medo da crise. Pelo contrário, o empreendedor precisa inovar e se destacar. Precisa usar a criatividade a seu favor, e o Sebrae está aqui para auxiliar”, disse.

O empresário Gilvan Gomes, que atua no comércio de Feira de Santana há seis anos, falou sobre a importância do evento para o seu negócio. “A gente sempre vem certo de que vai ganhar algo, porque o Sebrae sempre oferece o melhor em seus eventos. E hoje, especificamente, minhas expectativas foram superadas. Tivemos exemplos claros de que não devemos ter medo da crise e dicas de como inovar”, afirmou.

O evento foi uma promoção do Sebrae, e contou com o apoio da ACEFS, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sindicato do Comércio, Centro das Indústrias de Feira de Santana (CIFS) e Secretaria de Desenvolvimento do município.

Movimento Compre do Pequeno Negócio 

A Semana de Capacitação Empresarial integra a programação do Movimento Compre do Pequeno Negócio, lançado em agosto pelo Sebrae Nacional e que pretende gerar a conscientização da sociedade em torno do consumo de produtos e serviços de micro e pequenas empresas, para fortalecer a economia brasileira.

A ideia é que, durante o evento, os donos de pequenos negócios se preparem para receber os clientes no dia 5 de outubro, o Dia da Micro e Pequena Empresa, que marca a data oficial do movimento. Na ocasião, os consumidores serão convocados a comprar dos pequenos negócios, para apoiar e fortalecer o segmento, que representa mais de 95% do total de empresas brasileiras. As micro e pequenas empresas também respondem por 27% do PIB no Brasil e por 52% do total de empregos com carteira assinada – mais de 17 milhões de vagas.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br