Deputado critica péssima situação das rodovias baianas

Má conservação das rodovias amplia risco de acidentes.

Má conservação das rodovias amplia risco de acidentes.

As péssimas condições das estradas estaduais baianas foram elencadas, pelo deputado estadual Carlos Geilson, como o calcanhar de aquiles do governo Rui Costa, que já completa 9 meses de gestão. De acordo com o parlamentar, o governador acertou na escolha de alguns secretários, como o de Saúde e o de Segurança Pública, mas piorou a situação dos baianos quando extinguiu o Derba.

“Se o Derba já deixava a desejar, sem ele a situação é bem pior”, frisou. Geilson, lembrou que por diversas vezes pediu a recuperação da BA-499, que liga o distrito de distrito de Bonfim de Feira a Feira de Santana. “Se o Estado não intervir, o distrito vai ficar ilhado. Essa é minha preocupação”, frisou.

Geilson criticou também a situação da estrada do Feijão, a BA-052, principalmente o trecho que liga Ipirá a Serra Preta. “A estrada do Feijão é uma vergonha, está toda esburacada! Logo essa, que já foi uma rodovia de orgulho para nós baianos”, lamentou. O deputado ainda disse que os problemas com buracos e a falta de acostamento é enfrentado também nas rodovias que fazem ligações entre as cidades da região de Feira de Santana, como Santanópolis, Coração de Maria, Irará, Conceição da Feira e São Gonçalo dos Campos.

“Será que o governo pensa em privatizar as nossas estradas? Por isso está deixando elas chegarem a uma situação de penúria, para contra-argumentar? Eu não duvido! Já que o governo que tanto criticou as privatizações, agora abriu mão de vez e está vendendo tudo o que aparece pela frente”, alfinetou Geilson.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br