Coluna de Antônio José Larangeira de 17 de setembro de 2015

 Jornalista Dimas Oliveira será homenageado pela Fundação Cultural Egberto Costa.

Jornalista Dimas Oliveira será homenageado pela Fundação Cultural Egberto Costa.

Empresário Sebastião Soares e Cinira  vão realizar mais uma vez a tradicional missa em ação de graças. Na foto, ao lado da sua filha e advogada Rosa Sampaio.

Empresário Sebastião Soares e Cinira vão realizar mais uma vez a tradicional missa em ação de graças. Na foto, ao lado da sua filha e advogada Rosa Sampaio.

O charme da médica Valcy Ribeiro, socialmente.

O charme da médica Valcy Ribeiro, socialmente.

Amanhã, o Aberto do Cuca

Tudo pronto para a realização do Aberto 2015, evento promovido pela Universidade Estadual de Feira de Santana com mais de 12 horas de atividades programadas para hoje, no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), com entrada gratuita. As apresentações começam às 8 horas com artistas conhecidos e iniciantes. O objetivo é proporcionar espaços para pessoas e grupos das mais diferentes linguagens. Serão desenvolvidas atividades de literatura, dança, cinema, música, artes plásticas e teatro. Toda a estrutura do Cuca é oferecida aos participantes, composta por teatro italiano, teatro de arena, museu, galeria, salas de aula e pátio. São disponibilizados, ainda, recursos técnicos, como som e iluminação. O teatro de arena recebe dois toldos de 12 metros, cada. Além disso, ainda será utilizado o espaço da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), localizada próximo ao Cuca, para exposições e apresentações teatrais. De acordo com a diretora do Cuca, professora Rosa Eugênia Vilas Boas, “como o próprio nome sugere, o evento busca abrir espaço para as pessoas que trabalham com arte e cultura nas mais diferentes linguagens. Com tal ação, ampliamos o contato do Cuca com a comunidade”.

Dimas Oliveira I

Em “reconhecimento à sua dedicação, esforço e contribuição em prol da difusão e consolidação da cultura feirense”, a Fundação Cultural Egberto Costa, por ocasião dos seus 10 anos, vai homenagear o jornalista Dimas Oliveira, em solenidade neste sábado, 19, às 19 horas, no Centro de Cultura Amélio Amorim. Dimas Oliveira reside em Feira de Santana desde o início dos anos 50. É jornalista e desde 1967 que escreve sobre cinema, teatro, artes plásticas, política, turismo e variedades.

Dimas Oliveira II

Ele iniciou no jornalismo escrevendo no extinto jornal “Situação”, do qual fui um dos fundadores ao lado de Theomar Soledade. As mais de 50 colunas que escreveu nesse jornal entre 1967 e 1971 estão no seu primeiro livro, “cinema demais”.Nos anos 60 e 70, participou do movimento teatral de Feira de Santana, atuando nas peças “Cleóputo” e “Ezuma”, respectivamente que inaugurou o Teatro Margarida Ribeiro, a época na rua Carlos Gomes. Integrou o elenco de “Viúva, Porém Honesta”, de Nelson Rodrigues, apresentada no palco do Cine Santanópolise e em outras cidades. Em 70, foi presidente do Clube de Cinema de Feira de Santana, promovendo a exibição de clássicos do cinema mundial na antiga Faculdade Estadual de Educação, onde hoje funciona o Cuca. Nos anos 70, liderou movimento superoitista feirense e realizou três filmes: “O Vampiro Ralipiu”, “Corpo a Corpo” e “Palhaços”, todos extintos, que participaram de Jornadas de Curtas-Metragens e festivais. Montou praticamente todos os filmes feitos em Super 8 da época. No  cinema, foi assistente de direção do cineasta José Umberto nos filmes “Ser Tão” e “Cantos Flutuantes”. Mais recentemente, participou da produção de “O Imaginário de Juraci Dórea no Sertão: Veredas”, de Tuna Espinheira. Como jornalista e animador cultural, participou da 43ª. Exposição Internacional de Arte, a Bienal de Veneza, na Itália.

Mais homenagem

O ator e diretor Márcio Sherrer marcou época no cenário artístico baiano. Seu talento e amor pela arte conquistaram a admiração de uma legião de fãs e o carinho e respeito dos colegas. Tudo isso transformado em homenagem, dois anos após sua morte. A “Cia. Teatro Diário”, que em 2015 completa 11 anos, segue fazendo a arte que Márcio Sherrer ensinou e resolveu homenageá-lo com uma exposição sobre a carreira do artista . A mostra revive o grande divisor de águas da carreira de Sherrer, que foi a peça “Graxeira, Graças a Deus”, que lhe rendeu prêmios em nível nacional. Na exposição também estão lembranças do primeiro espetáculo que ele escreveu e no qual também atuou e dirigiu: “Shalon, a grande descoberta”. Também fazem parte da mostra, figurinos usados em cena, fotografias, honrarias, comendas, certificados, objetos de uso pessoal, a coleção de discos de vinil e troféus, com destaque para o de melhor ator de 2007 no Festival Nacional de Teatro, conquistado em São Mateus, no Espírito Santo. A mostra está aberta ao público no Museu Parque do Saber, da Fundação Cultural Egberto Tavares Costa.

Tradicional missa

O empresário Sebastião Soares e sua esposa Cinira , farão realizar no próximo dia 12 de outubro,  data consagrada à N.S. Aparecida, padroeira do Brasil,  na Fazenda São Sebastião, estrada do Cocão, em São Gonçalo dos Campos, a tradicional missa celebrada em agradecimento pelas graças recebidas este ano.  Os convites já estão circulando.

Esta coluna é publicada nos sítios jornalísticos

Jornal Grande Bahia

Tribuna da Bahia e

Notícias da Bahia

Outras publicações

Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 27 de outubro de 2009 Iniciação cientifica O Papel da Iniciação Científica na Formação Acadêmica foi tema de mesa-redonda realizada na quinta-feira (22/10/2009), no Anfite...
Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 27 de janeiro de 2011 Veloso tomou posse Com um concorrido jantar realizado sexta feira, em sua residência, ocorreu a posse de João Veloso na presidência da Confraria dos ...
Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 27 de março de 2011 Transporte coletivo, um caos É um verdadeiro desrespeito à  Feira de Santana, a frota de ônibus imposta à população do município pelos proprietários ...

Sobre o autor

Antonio José Larangeira
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: ajlarangeira2@hotmail.com.