Atleta revelado pelo Feira de Santana Esporte Clube é destaque no Vasco da Gama

Carlos Eduardo foi formado pelo projeto de divisão de base do FSA Esporte Clube.

Carlos Eduardo foi formado pelo projeto de divisão de base do FSA Esporte Clube.

O sonho de se tornar um jogador profissional de futebol começa a ganhar traços de realidade para o jovem Carlos Eduardo Borges, de 14 anos. Revelado pelo projeto de divisão de base do FSA Esporte Clube, o atleta de Feira de Santana já está há três meses jogando no time sub-15 do Vasco da Gama-RJ.

Através do trabalho realizado no FSA Esporte Clube, o garoto realizou teste no Vasco da Gama no mês de maio e foi aprovado. Ainda em Feira de Santana, Carlos Eduardo, conhecido como Dudu, foi destaque na Copa 2 de Julho de Futebol Sub-15, atuando na lateral esquerda e no meio campo do clube que o revelou.

O atleta destaca a importância em sua formação inicial, colocando Feira de Santana em destaque na formação de jogadores de alto nível. “O FSA foi quem me preparou para estar aqui. Foram eles (comissão técnica e diretoria) que me deram a oportunidade de estar presente no Vasco. São profissionais altamente competentes”, afirmou Dudu.

“O Vasco é sem dúvidas um clube grande do futebol brasileiro. É um prazer fazer parte desse clube e espero poder crescer aqui e me tornar um jogador profissional. Tudo isso colocando Deus em primeiro lugar”, declara o atleta. Dudu já está disputando o Campeonato Carioca de Futebol Sub-15.

Formação do FSA 

O jogador, agora do Vasco da Gama já destacava no FSA Esporte Clube. “Dudu já representa os primeiros frutos do nosso projeto. A conquista dele é uma vitória de todos: da sua família, do atleta, dos colegas e da cidade,  que hoje tem um filho da terra jogando o campeonato carioca e com possibilidades amplas de se tornar atleta profissional”, enfatiza o coordenador técnico e cientifico do FSA Esporte Clube, Jaderson Barbosa.

“O processo de formação de um atleta se dá dentro e fora do campo. O futebol moderno e profissional exige esta conduta dos educadores que lidam na formação de sujeitos e como consequência os atletas precisam entender esta necessidade para que tenham êxito. A proposta pedagógica, ética e a presença de profissionais qualificados em todos os setores viabilizam e potencializam talentos”, afirma o coordenador.

Em relação a outros atletas, Jaderson alimenta a esperança. “A nossa relação com o Vasco da Gama e outros clubes tornou-se ainda mais firme e outros atletas terão novas oportunidades em breve”, finaliza.

Outras publicações

Feira de Santana: nos últimos cinco anos, mais de 1.300 pacientes foram atendidos na UTI pediátrica do Hospital Estadual da Criança Mais de 1.300 pacientes foram atendidos na UTI pediátrica do Hospital Estadual da Criança. Exatos 1.319 pacientes foram atendidos na UTI Pediátrica ...
Coronel da PM responde ao JGB sobre conduta ética e frouxidão na conduta moral de subordinados No dia 31 de janeiro de 2012, poucas horas antes de eclodir o motim da Polícia Militar na Bahia, Carlos Augusto, diretor do Jornal Grande Bahia, entre...
Comunidade do distrito João Durval sofre com a falta de abastecimento de água. Leia Esta e outras notícias da CMFS O vereador Roque Pereira está reclamando de problemas de abastecimento de água em localidades do distrito Governador João Durval, antigo Ipuaçu. Como ...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br