Salvamar recebe novos equipamentos para agilizar resgates nas praias de Salvador

Salvamar recebe novos equipamentos.

Salvamar recebe novos equipamentos.

A Coordenadoria de Salvamento Marítimo (Salvamar – Salvador), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), começa a receber novos equipamentos indispensáveis aos serviços de orientação e salvamento realizados pelo órgão, que opera em toda a orla marítima de Salvador. Dentre os itens recém-chegados estão trajes de mergulho, respiradores, máscaras, capacetes e acessórios para garantir o deslocamento dos profissionais durante o trabalho. Em processo pré-licitatório, a piscina de treinamento localizada na sede do órgão, no bairro de Patamares, será totalmente requalificada dando maior qualidade à preparação dos agentes. A piscina possui dimensão semiolímpica (25 metros) e tem cerca de 1,5 metro de profundidade.

A Salvamar já recebeu um motor de popa (25 HP), 12 pranchões de longboard, 10 trajes de neoprene, 10 cintas com itens para auxiliar o resgate, 10 coletes salva-vidas, 10 capacetes, 10 respiradores e 10 máscaras de mergulho. Para a próxima semana são esperadas ainda 30 máscaras de bolso – para respiração artificial (respiração boca-a-boca) -, 100 nadadeiras, mais 12 pranchões e 30 salsichões. O órgão conta com 253 funcionários entre os setores administrativo e operacional. No total, são 200 salva-vidas atuando em 35 postos espalhados nos 28 km da orla marítima de Salvador – do Jardim de Alah até Ipitanga, na divisa com Lauro de Freitas. O grupamento conta ainda com quatro postos móveis percorrendo toda a região diariamente, além de servir de apoio para eventos do município.

De acordo com o chefe do setor de Salvamento, Ricardo Henrique, com a proximidade do verão e o consequente aumento do número de pessoas nas praias da capital baiana, quanto mais equipados estiverem os agentes do órgão, maior será a possibilidade de garantir o bem-estar e a segurança dos frequentadores destes espaços públicos. “A chegada dos equipamentos é de extrema importância porque são itens que sofrem desgaste e precisam estar em ótimo estado para que a equipe possa garantir um atendimento eficaz. Os novos materiais, juntamente com a reforma da piscina, geram impacto direto na preparação dos profissionais para que estejam sempre aptos a realizar ações de resgate e salvamento nas praias da cidade”, diz.

Outras publicações

Campanha Carnaval Sem Fome arrecada 100 toneladas de alimentos Cerca de 100 toneladas de alimentos não perecíveis foram arrecadas pelas Voluntárias Sociais em parceria com a Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem),...
Salinas da Margarida se prepara para fim de semana gastronômico A cidade de Salinas da Margarida, sul do Recôncavo Baiano, na Contra Costa de Itaparica, finaliza os preparativos para o 9º Festival do Marisco. A edi...
Em Salvador, obras de reforma de terreiro em Pirajá são entregues pelo Governo do Estado Terreiro Mansu Bantu Kenkuê de Inkinasamba, localizado no bairro de Pirajá, em Salvador. Atividade religiosa no Terreiro Mansu Bantu Kenkuê de In...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br