Rio Real ganhará novo fórum; é a nona pedra fundamental lançada em 2015 pelo presidente do TJBA

Desembargador Eserval Rocha atua modernizado a infraestrutura do poder judiciário na Bahia.

Desembargador Eserval Rocha atua modernizado a infraestrutura do poder judiciário na Bahia.

O prédio, construído em 1850 para servir de residência a um padre e que, nos anos 30 do século passado, foi o forte de resistência à invasão do cangaceiro Lampião, enfim, vai deixar de ser a sede da Justiça em Rio Real.

A viagem do presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), desembargador Eserval Rocha, e comitiva a cinco comarcas do interior foi encerrada na manhã de quinta-feira (13/08/2015) com o lançamento da pedra fundamental do novo fórum da comarca, a 207 quilômetros de Salvador.

O investimento para a construção do prédio é de R$ 2 milhões e a previsão para a entrega da obra é janeiro de 2016.

É a nona pedra fundamental lançada somente este ano. Os prédios para funcionamento dos fóruns vêm sendo erguidos em Barreiras, Luis Eduardo Magalhães, Irecê, Canarana, Nazaré, Central, Sobradinho e Serrinha. Os recursos estão assegurados e a expectativa é de que todos sejam entregues ainda na atual gestão, que se encerra em 1° de fevereiro de 2016.

Em setembro, o presidente estará presente na solenidade que vai marcar oficialmente o início das obras do fórum de Paulo Afonso, no Norte do Estado.

Também vêm sendo reformados o fórum de Feira de Santana e construído o novo salão do Tribunal Pleno, em Salvador, devido ao aumento do número de desembargadores.

O fórum de Rio Real será construído em uma área de 3.235 metros quadrados, ao lado da prefeitura. “É mesmo um dia memorável. Aquele casarão histórico do padre e de Lampião abriga o fórum desde 1973”, disse o juiz Josimar Dias Cerqueira, titular da comarca, sobre o prédio, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), órgão do governo federal encarregado da política de preservação.

“Estamos muito felizes. É a maior obra que temos aqui nos últimos tempos”, disse o prefeito Orlando Almeida, durante discurso realizado durante a solenidade realizada no mesmo terreno da construção, em doação do município.

“Nós é que agradecemos à prefeitura e à Câmara de Vereadores pelo terreno. Estamos em um excelente local”, disse o presidente Eserval Rocha.

Como nas outras solenidades, foi depositada uma cápsula do tempo na pedra fundamental, com jornais da cidade, foto da Mesa Diretora do Tribunal, peças do artesanato local, cédulas e moedas de real.

Obras em Olindina

Ontem à tarde, o presidente do Tribunal de Justiça e sua comitiva estiveram nas comarcas de Inhambupe e de Olindina.

Em Olindina, o desembargador Eserval Rocha visitou as obras de construção do salão do júri da comarca, orçadas em R$ 500 mil.

Outras publicações

Contas da Prefeitura de Rio Real são aprovadas com ressalvas O Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão de quinta-feira (17/03/2011), concedeu provimento parcial ao pedido de reconsideração das contas da Pre...
Brasfrut anuncia fábrica em Rio Real para industrializar laranjas O município de Rio Real, no Litoral Norte da Bahia, maior produtor de citros do estado, terá uma fábrica para industrializar laranjas. O compromisso f...
Ex-prefeito de Rio Real Antônio Alves dos Santos contrata imóvel para funcionamento de entidade privada Na sessão desta quarta-feira (03/07/2013), o Tribunal de Contas dos Municípios julgou procedente o termo de ocorrência lavrado contra o ex-prefeito de...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br