No mês das culturas populares, música, teatro e artes visuais agitam espaços culturais da SecultBA

Cartaz do projeto 'Culturas Populares'.

Cartaz do projeto ‘Culturas Populares’.

Em agosto, mês em que são celebradas as culturas populares, através do Dia Nacional do Folclore (22/08/2015), os espaços culturais da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) oferecem opções para todos os gostos e idades. São festivais, oficinas, espetáculos de teatro e dança em diferentes modalidades que contemplam expressões culturais diversas dos 11 territórios de identidade da Bahia em que estão localizados 15 centros de cultura administrados pela SecultBA.

O Cine Teatro Solar Boa Vista, localizado no bairro do Engenho Velho de Brotas, em Salvador, exibe de 07 a 09, às 20h, o espetáculo Rebento. A obra da Cia de Teatro Metamorfose traz a ancestralidade africana dos mitos e das lendas através da oralidade das personagens que instauram diálogos e ações entre si. A entrada é gratuita. O espaço também apresenta nos dias 14 e 21, a comédia Dona Bucéfala, um espetáculo cômico e interativo onde uma senhora de 50 anos usa a sua experiência de vida para aconselhar e resolver os problemas de pessoas que a procura. As entradas custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

No Centro de Cultura de Alagoinhas, no dia 07, às 19h, acontece a abertura da exposição Minérios do fotógrafo Jovam Matos. A exposição itinerante é composta pelo diálogo entre as esculturas de pedras portuguesas com objetos que compõem o cotidiano do Velho Centro de Salvador.  A entrada é gratuita.

O Centro Cultural Plataforma, no subúrbio ferroviário de Salvador traz no dia 01, às 19h, o Sarau dos Herdeiros. O evento de música de poesia traz o grupo residente do espaço, o Herdeiros de Angola, que juntamente com Igor Reis e sua banda apresentam um show híbrido com canções autorais e releituras, mesclando rock, cantoria e ritmos da cultura popular brasileira. No dia 02, às 17h, o espaço recebe o concurso Miss Salvador 2015. A classificação é livre e as entradas custam R$ 20 (inteira) e R$10 (meia).

Também no subúrbio ferroviário de Salvador, o Espaço Cultural de Alagados recebe no dia 07, às 15h, a Camerata Quadro Solar, do projeto Sextas Instrumentais, uma parceria entre a SecultBA e a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) que circula de maneira itinerantes pelos espaços culturais da região metropolitana de Salvador até dezembro. A camerata irá tocar os quartetos para flauta e cordas de A .W. Mozart e explorar o repertório lírico no espaço. A entrada é gratuita. No dia 20 a literatura toma conta do espaço na sessão de contação de histórias africanas. A iniciativa é da Biblioteca Clementina de Jesus e tem como objetivo resgatar a valorização da cultura afro-brasileira com crianças e adolescentes. Os ingressos custam R$ 5 (inteira) e R$ 2,50 (meia).

No Espaço Xisto Bahia, localizado no bairro dos Barris, em Salvador, o mês é dedicado a arte milenar da palhaçaria. De 03 a 30 de agosto, o espaço realiza o festival Nossa, que Palhaçada, que conta com ações na rua, exposições e espetáculos consagrados como o Cabaré do Riso, de Demian Reis. Para conferir a programação completa acesse o blog: espacoxisto.wordpress.com

Em Feira de Santana, o Centro de Cultura Amélio Amorim recebe no dia 06 a turnê Troco Likes, do cantor brasiliense Tiago Iorc. Troco Likes, disco autoral do cantor, é seu primeiro trabalho em português e reflete um processo de Iorc se entender cada vez mais como brasileiro, visto que foi criado no exterior. As entradas custam R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia). O centro também recebe nos dias 07, 08 e 09, a 28ª edição do Projeto Dança São Paulo nível Brasil (PRODANSP). O encontro é uma oportunidade para que os bailarinos amadores aprimorem seus movimentos, propostas coreográficas e troquem experiências com os demais participantes. As entradas custam R$40 (inteira) e R$20 (meia). Também no Amélio Amorim, acontece nos dias 29 e 30, das 13h às 22h a feira de cultura nerd Batubil. O evento ocupará todos os espaços do Centro de Cultura e contará com personalidades da internet, como a equipe dos canais do YouTube Mundo Canibal e Jovem Nerd. A ação também contempla um campeonato de games, concurso de cosplay, kung fu e um espaço para batalha campal, categoria que reproduz antigas batalhas medievais.

No Centro Cultural de Guanambi, nos dias 22 e 23, às 20h, a Cia de Teatro D4 traz o espetáculo Sorte no Amor Azar na Sorte. A trama conta a história de cinco jovens que por não serem bem sucedidos com o namoro real partem para o virtual, ambos se apaixonam por uma jovem que conheceram pela internet e marcam um encontro com a mesma. É aí que começa a confusão. As entradas custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

O Centro de Cultura Olívia Barradas oferece durante todo o mês oficinas de dança afro, bboy, hip hop, capoeira, balé clássico, dança de salão, dança contemporânea, teatro, circo, artes visuais, pintura, grafite, maquiagem artística e escultura. As atividades têm preços variados e a inscrição é realizada no local.

O Cine Teatro Lauro de Freitas recebe a Camarata Quarteto Novo, no dia 21, às 15 horas.  A apresentação também faz parte do projeto Sextas Instrumentais. A Quarteto Novo tem uma formação bastante diferente das cameratas ou grupos de câmara, pois possui dois instrumentos da família das madeiras e dois instrumentos da família das cordas. A flauta transversal tocada por André Becker e o fagote por Ilza Cruz representam as vozes aguda e grave, respectivamente.

Quem também recebe o projeto Sextas Instrumentais é a Casa da Música, em Itapuã. O espaço recebe a camerata da OSBA, no dia 14, às 15h. A entrada é franca.

O Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro, recebe no dia 14, às 22h, o show Para Gil e Caetano, da cantora Margareth Menezes. No show, a intérprete presta sua homenagem aos ícones da música. Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia). Também tem diversão para a garotada: entre os dias 11 a 14, 18 a 21 e 25 a 28, ás 8h e 16h, o espaço recebe o espetáculo teatral infanto-juvenil Mogli, o Menino Lobo. As entradas custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), e localizados em diversos Territórios de Identidade. Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro de Cultura de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse:www.espacosculturaisbahia.org.

Outras publicações

Secretário Geraldo Reis parabeniza Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Salvador pelos 85 anos Geraldo Reis parabeniza Adesal pelos 85 anos. Representando o governador Rui Costa, o secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Soci...
Salvador – Aumento do IPTU | Vice-presidente Fabrício de Castro diz que o José Carlos Aleluia desrespeitou a OAB e advogados Fabrício de Castro: “Ao atacá-lo, o secretário desrespeitou toda categoria dos advogados". O vice-presidente da OAB da Bahia, Fabrício de Castro, cl...
Festejos de São João da Bahia devem voltar ao Pelourinho Palco de alguns dos principais festejos juninos da Bahia, o Pelourinho deve voltar a sediar a programação oficial do São João organizado pela Secretar...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br