Justiça Eleitoral rejeita ação contra governador Fernando Pimentel

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais rejeitou ação de investigação eleitoral contra o governador Fernando Pimentel.

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais rejeitou ação de investigação eleitoral contra o governador Fernando Pimentel.

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais rejeitou ação de investigação eleitoral contra o governador do estado, Fernando Pimentel, por abuso de poder político. A ação foi protocolada pela Coligação Todos por Minas, do candidato derrotado nas eleições de 2014, Pimenta da Veiga (PSDB).

No processo, o governador e dirigentes dos Correios foram acusados de usar indevidamente a estrutura da estatal para favorecer a campanha do PT, partido de Pimentel, e prejudicar a candidatura de Pimenta da Veiga. Por unanimidade, os desembargadores entenderam não ficou comprovado o suposto abuso de poder econômico.

A decisão da Justiça Eleitoral favorece também o vice-governador Antônio Andrade, o deputado estadual Durval Ângelo, o presidente dos Correios, Wagner Pinheiro de Oliveira,  e o diretor regional da estatal em Minas, José Pedro de Amengol Filho.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br