Fundada em 2010, Orquestra Sanfônica de Serrinha desenvolve importante trabalho sociocultural

Orquestra Sanfônica de Serrinha desenvolve Trabalho sociocultural na formação de jovens músicos.

Orquestra Sanfônica de Serrinha desenvolve Trabalho sociocultural na formação de jovens músicos.

Fundada em 25 de outubro de 2010 por Joselito Espinheira Dantas (Chicão), a Orquestra Sanfônica de Serrinha objetiva manter viva a cultura nordestina, através da musicalidade do forró pé-de-serra, e perpetuando as músicas de autores como Luiz Gonzaga, Negrão dos Oito Baixos, Trio Nordestino (Lindú), Valdir Azevedo, Zequinha de Abreu, Ari Barroso entre outros. Destaca-se, no trabalho sociocultural da orquestra, a formação de jovens artistas tocadores de sanfonas.

Segundo Chicão, o trabalho artístico de Luiz Gonzaga é a principal fonte inspiradora dos trabalhos desenvolvidos pela orquestra. O grupo reúne sanfoneiros com décadas de atuação, e jovens músicos. A mistura de gerações permite a manutenção da identidade sociohistórica do estilo musical da orquestra, ao mesmo tempo em que ocorre uma renovação do estilo.

A Orquestra Sanfônica de Serrinha tem coordenação do maestro Anderson Matos, e produção musical de Joselito Dantas (Chicão). Os contatos com a orquestra podem ser feitos através dos telefones (75)3261-1206, e (75)9114-3222.

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.