Deputado José de Arimateia atua na defesa do idoso

Deputado estadual José de Arimateia é defensor da Causa dos idosos na Bahia.

Deputado estadual José de Arimateia é defensor da causa dos idosos na Bahia.

O deputado estadual José de Arimateia (PRB), defensor da Causa dos idosos na Bahia, visitou na manhã desta quinta-feira (23/07/2015) a Delegacia Especial de Atendimento ao Idoso de Salvador (DEATI), situada no bairro dos Barris, Centro de Salvador. O republicano foi recebido pela delegada titular da DEATI, Laura Argolo, que confirmou dados do ano de 2014. Segundo ela, foram 992 registros presenciais e 664 denúncias anônimas na Capital Baiana de violência praticada contra idosos.

Após uma ampla conversa, o parlamentar classificou a criação da Delegacia como uma grande conquista na defesa e proteção dos idosos, mas constatou uma quantidade ínfima de material humano. “São 140 denúncias presenciais por mês referentes a violência contra os idosos, fora as por telefone, e todo esse trabalho sem a quantidade suficiente de profissionais no processo, como: assistentes sociais, psicólogos e agentes. Fazendo uma análise, temos hoje 11 delegacias para a mulher. Por que não aumentar as delegacias para as pessoas da terceira idade?“, questionou Arimateia, enaltecendo o trabalho de toda a equipe.

A bandeira de defesa ao idoso acompanha o deputado Arimateia desde o seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa (1999-2003), quando propôs a construção da Delegacia do Idoso – a sede passou a atuar no ano de 2006. Em 2011 ele solicitou, por meio da Indicação 18.697/2011, a criação de outra semelhante no município baiano de Feira de Santana. Também em 2011, o parlamentar entregou à Casa Legislativa a Indicação 18.698/2011, objetivando a implantação do Instituto do Idoso no Estado da Bahia.

Conforme relatou a delegada titular, a violência praticada contra os idosos, normalmente, é cometida pelos familiares e, com mais frequência, em bairros como: Suburbana, Barra, Canela, Graça e Pituba. Ela disse que torce para uma melhor articulação e funcionamento na estrutura da Delegacia e pela ideia de uma Campanha intensa e maciça de conscientização sobre os valores de amor e solidariedade. “É muito triste, porque onde o idoso mais precisa de cuidados é na família e, lamentavelmente, é no lar que mais se tem violência atualmente, seja ela física psicológica ou verbal”, contou.

Após a visita, o deputado Arimateia resolveu que irá encaminhar um ofício para a Superintendência de Prevenção à Violência, na perspectiva de maiores informações sobre o planejamento de ações para a DEATI, além de solicitar do Governo do Estado mais empenho em relação à necessidade de mais profissionais e viaturas na Delegacia, como também na apreciação referente às Indicações e Projetos de Lei de autoria do parlamentar relativos ao setor.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br