2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia rejeita recursos da defesa do prefeito José Ronaldo de Carvalho, e desembargador requisita pauta de julgamento

Espelho da ação criminal contra José Ronaldo de Carvalho e Constantino Portugal dos Santos.

Espelho da ação criminal contra José Ronaldo de Carvalho e Constantino Portugal dos Santos.

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA) rejeitou, por unanimidade, os ‘embargos de declaração’ apresentados pela defesa do prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho (DEM). O julgamento dos embargos ocorreu no dia 23 de julho de 2015.

Relator do processo nº 0023133-08.2013.8.05.0000, em que configuram como réus por estelionato José Ronaldo e Constantino Portugal dos Santos, o desembargador Jefferson Alves de Assis requisitou da secretária do Tribunal inclusão do processo para pauta de julgamento.

Leia +

Caso Constantino

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).