Vereadora do PT é agredida e ironizada por delegada em Salvador

Janaína Ballaris afirma ter sido agredida por três manifestantes anti-PT no dia 11 de junho de 2015.

Janaína Ballaris afirma ter sido agredida por três manifestantes anti-PT no dia 11 de junho de 2015.

A vereadora Janaína Ballaris (PT-SP) afirma ter apanhado de um manifestante anti-PT no dia 11 de junho de 2015, durante o 5º Congresso da legenda, em Salvador. Ela também prestou queixa na Corregedoria da Polícia Civil da Bahia contra a delegada que fez o boletim de ocorrência da agressão.

“Eram três homens, vestidos com algum uniforme e camisetas pedindo impeachment. Um deles apertou meu braço e meu pescoço e me empurrou até o elevador”, relatou. A agressão teria dado início a uma briga entre outros integrantes do partido e os três homens.

Ela também denunciou a delegada. “A delegada ‘justificou’ a agressão que sofri colocando a mão na testa e dizendo que todo mundo já está ‘por aqui com o PT’. Ficamos a madrugada inteira na delegacia. Eu fui pré-julgada pela delegada. Quis que ela colocasse a declaração dela no B.O., mas ela se negou. Aí fui até a corregedoria”, diz a vereadora de Praia Grande, na Baixada Santista.

*Com informações da Agência PT de Notícias e do Brasil 247.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br