TJBA Virtual: super-scanners vão agilizar digitalização de processos

TJBA adquire equipamentos com a finalidade de modernizar sistema processual.

TJBA adquire equipamentos com a finalidade de modernizar sistema processual.

Com a capacidade de digitalizar até 50 páginas por minuto ou 15 mil folhas por dia, 100 scanners de alta performance adquiridos pelo Tribunal de Justiça da Bahia vão tornar ainda mais rápidos os trabalhos de digitalização de processos, promovidos na atual gestão.

A digitalização integra o TJBA Virtual, projeto lançado no início de março. A expectativa é que até dia 31 de dezembro de 2014, todo o acervo do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia esteja sendo operado virtualmente. A meta é digitalizar 1.648.725 processos.

A compra dos scanners, no valor total de R$ 1,2 milhão, foi realizada pelo Núcleo de Licitação do Tribunal de Justiça, que registrou os mesmos valores praticados pelo Conselho Nacional de Justiça. Os equipamentos foram adquiridos pelo valor unitário de R$ 12.184,95, quando o preço praticado pelo mercado é R$ 19.934,10. O extrato da aquisição foi publicado na edição de segunda-feira (2) do Diário da Justiça Eletrônico.

Os equipamentos serão instalados nos Nuredis, os núcleos regionais de digitalização espalhados nos fóruns de Salvador e em comarcas do interior do estado. Todo o trabalho é realizado pelos servidores, com auxílio dos estagiários e eventuais colaboradores designados, sob a coordenação de juízes indicados pela Presidência do Tribunal.

Os núcleos acompanham, supervisionam e orientam a digitalização do acervo processual físico das unidades judiciárias do Primeiro Grau que possuem sistema eletrônico e verificam o cumprimento da meta dos prazos estabelecidos.

Cronograma

O cronograma de atividades que preveem o fim dos processos físicos já está em andamento com a instalação dos núcleos, em Salvador, nos fóruns Ruy Barbosa, em Nazaré; no Criminal, em Sussuarana; e no Regional do Imbuí.

No interior, já estão em funcionamento os Nuredis de Senhor do Bonfim e Euclides da Cunha e em Miguel Calmon, onde os trabalhos já foram concluídos.

Também ganharão núcleos as comarcas de Alagoinhas, Barreiras, Brumado, Cachoeira, Eunápolis, Feira de Santana, Gandu, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Seabra, Serrinha, Santa Maria da Vitória e Santo Antônio de Jesus, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista.

Selo Unidade Virtual

Por meio do Decreto nº 216/2015, a Presidência do Tribunal de Justiça instituiu o Selo Unidade Virtual, com o objetivo de reconhecer os trabalhos desenvolvidos pelas unidades judiciárias que conseguirem concluir 100% do procedimento de digitalização dos processos e inserção do acervo nos sistemas processuais eletrônicos.

Receberão menção honrosa, que será anotada no respectivo registro funcional, os magistrados e servidores que direta ou indiretamente contribuíram para a conquista do selo pelas respectivas unidades judiciárias.

Clique aqui para ver a íntegra do Decreto nº 216/2015.

Clique aqui e acesse o hotsite do TJBA Virtual.

Clique aqui e leia o TJBA MAIS em flip.

Clique aqui e leia o TJBA MAIS em pdf.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br