São João da Bahia 2015 reúne 40 quadrilhas de 38 municípios

8º Campeonato Baiano de Quadrilhas Juninas ocorre no subúrbio de Salvador.

8º Campeonato Baiano de Quadrilhas Juninas ocorre no subúrbio de Salvador.

Milhares de pessoas prestigiaram o 8º Campeonato Estadual de Quadrilhas Juninas realizado entre quinta-feira e domingo (11 a 14 de junho de 2015), na Praça da Revolução, no bairro de Periperi, no Subúrbio Ferroviário de Salvador. Ao todo, 40 quadrilhas de 38 municípios baianos participaram da competição que, além de troféus, também entregou prêmios em dinheiro aos cinco primeiros lugares. A vencedora foi a ‘Girassol do Iguape’, do município de Cachoeira, no Recôncavo. O segundo lugar ficou com ‘Forró do ABC’ (Salvador) e o terceiro, com ‘São Bento do Forró’ (São Francisco do Conde).

O evento é realizado pelo segundo ano consecutivo em Periperi e, de acordo com o presidente da Bahiatursa, Diogo Medrado, integra a programação do São João da Bahia, realizado pelo Governo do Estado. “Este ano, tivemos o concurso mirim e o vencedor foi um grupo de Coutos, aqui do subúrbio. Estamos resgatando esta tradição”.

Durante os quatro dias de evento, as arquibancadas da estrutura coberta montada na Praça da Revolução ficaram lotadas. Moradores de diferentes bairros da capital e também do interior se mantiveram atentos às apresentações. Como manda a tradição, todos os quadrilheiros se apresentaram ao som do bom e velho forró. Porém, de tanto brilho, cor, sincronismo e até efeitos especiais, a performance dos grupos fez lembrar dos espetáculos da Broadway.

Em relação ao público do domingo, o presidente da Federação Baiana de Quadrilhas Juninas (Febaq), Carlos Brito, informou que, segundo dados da Polícia Militar, cerca de quatro mil pessoas assistiram ao campeonato, acomodadas na arquibancada. No entorno da praça, onde foi montada a estrutura, estiveram concentradas aproximadamente 15 mil pessoas. “A população de Periperi abraçou o movimento quadrilheiro. Sucesso total”.

Moradora do município de Cachoeira, a estudante Gabriela Assis, 18 anos, foi a ‘Rainha do Milho’, da Quadrilha Junina Girassol de Iguape. Para ela, “o campeonato é maravilhoso porque dá oportunidade não só às quadrilhas grandes, mas também as menores, de comunidades pequenas, que mostram seus trabalhos”.

A estudante Maria Manuela, residente do bairro da Barra, em Salvador, disse que foi ao evento especialmente para ver a Quadrilha Raízes do Iguape. A jovem elogiou o nível das apresentações e a organização do campeonato. “O espaço, a localização e o acesso estão excelentes. Estou adorando”.

Premiação

A quadrilha que venceu em primeiro lugar faturou o prêmio de R$ 10 mil. O segundo, $ 7 mil, e terceiro, R$ 5 mil. Os 4º e 5º lugares, conquistados respectivamente pelas quadrilhas ‘Rojão de Ouro’ (Madre de Deus) e ‘Cia Junina de Itaparica’ (Ilha de Itaparica), R$ 2 mil, cada. Também foram entregues troféus para as quadrilhas avaliadas pelo júri técnico como os melhores figurinos, marcador (puxador), musicalidade, coreografia, conjunto do trabalho, casamento, casal de noivos, dançarino e dançarina.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br