Polícia Militar da Bahia faz 17 mil abordagens a taxistas nos primeiros cinco meses de 2015

Polícia Militar realiza Blitz em diversos lugares de Salvador e  tem a aprovação da população.

Polícia Militar realiza blitz em diversos lugares de Salvador e tem a aprovação da população.

As blitzes não têm hora, dia ou local definido para acontecer, mas são um dos principais mecanismos preventivos para garantir a segurança dos cidadãos. Por este motivo, a Polícia Militar da Bahia (PMBA) realiza este tipo de abordagem, diariamente, em Salvador e região metropolitana.

Em blitz realizada na manhã desta sexta-feira (26/06/2015), por policiais do Esquadrão Águia, na Avenida Luís Eduardo Magalhães, em Salvador, o porta-voz da PMBA, capitão Bruno Ramos, informou que, durante as abordagens, são fiscalizados todos os tipos de veículos, entre carros de passeio, utilitários, motocicletas, táxis e ônibus. “Também verificamos se o veículo e os equipamentos obrigatórios [extintor, estepe, faróis, triângulo sinalizador, macaco hidráulico, etc.] estão em dia”.

Táxis

Somente em 2014, a PM fez cerca de 39 mil abordagens a taxistas, bem como os usuários deste tipo de transporte. De acordo com o capitão Ramos, até maio deste ano, quase 17 mil abordagens a táxis foram feitas nas blitzes. “Primamos pela segurança das pessoas que estão usufruindo das vias”.

O porta-voz da PMBA ressaltou que “a Polícia Militar atua para coibir tráfico de drogas, porte ilegal de armas e pessoas nocivas à sociedade”. Ele afirmou ainda que a emissão e fiscalização da licença (alvará de taxista), que autoriza o desempenho da atividade, é de responsabilidade dos municípios. “Sempre que necessário e o município solicitar, a Polícia Militar apoiará as ações de fiscalização”.

Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

Publicidade

Publicidade

Compartilhe e Comente

Facebook do JGB

Publicações relacionadas

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br