Petista aponta contradições na gestão do prefeito Luizinho Sobral em Irecê

O líder político Mário Jacó critica atuação de Luizinho Sobral.

O líder político Mário Jacó critica atuação de Luizinho Sobral.

Neste domingo (31/05/201), as comemorações dos 82 anos de emancipação política do município de Irecê, no sertão da Bahia, terão conotações de protestos, de acordo com o líder político na região, Mário Jacó (PT), suplente de deputado estadual. Segundo Jacó, o momento seria para que todos celebrassem as conquistas, os avanços e desafios que têm pela frente, mas a gestão de Luizinho Sobral (PTN) aponta contradições e fortalece o modo desastroso de aplicação do erário. “Infelizmente a população de Irecê não está satisfeita com o caminho que a cidade tomou, após as eleições municipais. O caos da administração do prefeito Luizinho Sobral, iniciada em 2013, é motivo de preocupação para movimentos sociais, sindicatos, lideranças e para o povo em geral, uma clara política de ‘pão e circo’, que atrapalha o desenvolvimento”, salienta.

O líder petista diz ainda que a prefeitura anunciou os artistas escalados para o São João e segue os mesmos fundamentos “da velha receita de administrações desastrosas. Estão mascarando os problemas, trazendo cada vez mais distração para o povo. Depois de tanta arrecadação e pouquíssimos investimentos, fica difícil não comparar a lastimável situação. Não sou contra os festejos juninos, pelo contrário, acredito que é uma tradição cultural importante, mas temos que ter compromisso com todas as pautas. Alegar não ter recursos para pagar o piso salarial dos professores do ensino básico, que cuidam da educação e do futuro de Irecê, e, ao mesmo tempo, fazer uma festa multimilionária não é compatível com uma administração séria”.

Jacó também lembra que falta planejamento, e que os bairros estão sem pavimentação, além do descaso com a saúde, gastos excessivos com serviços públicos que deveriam ter baixo custo e cortes no quadro de pessoal para fazer os serviços básicos são problemas constantes em Irecê. “Isso tudo se associa a cooptação da mídia local, que reverbera para os quatro cantos o desenho de uma gestão que não existe, quando na prática a população sofre com os desmandos. Esse nítido contraste mostra a quem o grupo do prefeito serve”. Para o petista, Luizinho Sobral já começou também as manobras para 2016, refazendo as promessas e as maquetes que não saem do papel, inclusive com a promessa de inaugurar obras deixadas pela administração anterior, que ainda não foram concluídas no seu terceiro ano de governo.

Outras publicações

Região de Irecê ganha nova adutora de R$ 75 milhões Governo Wagner expande oferta de água pelo interior do estado da Bahia.Foto: Manu Dias | AGECOM | JFH O Governo do Estado vai investir R$ 75 milhões...
Governo entrega rodovias, UPA, Samu e Centro de Parto em Irecê O governador Jaques Wagner e o vice-governador e secretário de Infraestrutura da Bahia, Otto Alencar, entregam, nesta terça-feira (18/09/2012), às 10h...
Irecê sedia final da Copa do Sertão de FuteboL Sub-17 neste sábado Os times de Irecê e Barra do Mendes fazem a grande final da Copa do Sertão de Futebol Sub-17, sábado (03/07/2010), a partir das 15h, no Estádio Jovini...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br