Governo Federal dificulta acesso a gastos com publicidade na internet

Senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP): "Qualquer questão que envolva a utilização de recursos públicos deve primar pela transparência de seus atos".

Senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP): “Qualquer questão que envolva a utilização de recursos públicos deve primar pela transparência de seus atos”.

O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP)  protocolou nesta quarta-feira (03/06/2015) na Mesa Diretora do Senado um novo requerimento de informações à Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República sobre critérios, estratégias e distribuições de recursos da publicidade oficial para a internet.

Aloysio Nunes quer saber se há um ranking de audiência que orienta o Governo e a Secom na distribuição dessas verbas, quais empresas são responsáveis pelo levantamento de dados que norteiam esse tipo de estratégia de comunicação e se há uma tabela com nomes de sites, portais, redes sociais e blogs, além de audiência e valores pagos.

É a terceira vez que o tucano apresenta um requerimento que trata do assunto. Em 2013 e 2014, o mesmo pedido já havia sido remetido à Secom, mas o órgão encaminhou respostas genéricas.

“Nosso objetivo não foge ao propósito anterior: reforçar os princípios da administração pública da impessoalidade, publicidade e eficiência. Qualquer questão que envolva a utilização de recursos públicos deve primar pela transparência de seus atos”, concluiu o senador em sua justificativa.

Agora, o requerimento vai passar pelo crivo da Mesa Diretora do Senado para depois ser encaminhado à Secom.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br