Fotógrafo Sulbaiano lança campanha para estudar cinema em Cuba

Cartaz da campanha lançada por Flávio Rebouças.

Cartaz da campanha lançada por Flávio Rebouças.

Depois de um processo seletivo que envolveu mais de 500 jovens cineastas de todo o Brasil, Flávio Rebouças foi selecionado junto a outros sete candidatos para o Curso Regular em Cinematografia da Escuela Internacional de Cine y TV (EICTV), em Cuba. Ele foi o único brasileiro escolhido para cursar a Especialização em Fotografia na turma 2015-2018.

Flávio nasceu em Itacaré e graduou-se em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Estadual de Santa Cruz, em Ilhéus, na Bahia, onde mora. Sua atuação no universo do audiovisual envolve o uso da fotografia, do vídeo e do cinema para discutir questões ligadas aos direitos humanos, à comunicação e à educação, principalmente em comunidades quilombolas, de terreiro e entre a juventude das periferias.

A EICTV, fundada em 1986 pela Fundação Novo Cinema Latino-Americano (FNCL) e localizada em San Antonio de los Baños (Cuba), é considerada um dos melhores centros de formação audiovisual de todo o mundo. Seus fundadores foram o jornalista e escritor colombiano Gabriel Garcia Marquez, o poeta e realizador argentino Fernando Birri e o teórico e realizador cubano Julio García Espinosa, entre outros. Na época, a intenção foi criar uma escola que recebesse povos de língua latina e de países africanos e asiáticos. Desde então, já formou milhares de estudantes e profissionais de mais de 50 nações, que fizeram desta escola um espaço para a multiplicidade cultural de grande envergadura, hoje referência mundial.

O curso vai durar três anos. A anuidade da Escuela custa 5 mil euros. Neste primeiro ano, Flávio tem que arcar com metade do valor (2.500 mil euros), além da passagem aérea para Havana e uma lista de equipamentos solicitados pela instituição. Os outros custos serão subsidiados pelo Ministério da Cultura.

A urgência em arrecadar a quantia levou Flávio Rebouças a unir forças com a cineasta sergipana Everlane Moraes, também selecionada pela EICTV. Eles lançaram a campanha TRAVESSIA CINE CUBA, com intenção de mobilizar colaboradores dispostos a ajudá-los a realizar esse sonho.

Flávio criou uma “vakinha” virtual. Qualquer pessoa pode doar a quantia que quiser e viabilizar a ida do jovem fotógrafo e videomaker para a EICTV. Para colaborar, acesse o link: http://bit.ly/1GbGDWl ou o site: https://www.vakinha.com.br/ e pesquise por TRAVESSIA CINE CUBA | Flávio Rebouças. Você também pode entrar em contato com ele via e-mail: fsbreboucas@hotmail.com. Conheça a página da campanha no Facebook: http://on.fb.me/1G3H8CQ

Outras publicações

Diretoria do CIS tem encontro no Ministério do Comércio Exterior A Diretoria do Centro Industrial do Subaé se reúne na próxima quinta-feira, dia 22 de abril de 2015, em Brasília, com o Ministério do Desenvolvimento,...
Presidente Lula quer perdão da dívida da Tanzânia com o Brasil Dar es Salaam (Tanzânia) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje (07/07/2010), em Dar es Salaam, que vai conversar com o ministro da Fazen...
Exportações superam importações em US$ 1,197 bilhão em novembro de 2015 Vista aérea da zona portuária de Salvador. A queda das importações em ritmo maior que as exportações fez a balança comercial – diferença entre expor...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br